Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Red Dead Redemption chega a quase 300 FPS em emulador no PC

Por| Editado por Jones Oliveira | 19 de Julho de 2023 às 08h35

Link copiado!

Divulgação/Rockstar Games
Divulgação/Rockstar Games

Red Dead Redemption é um dos títulos mais cultuados da Rockstar Games, e embora tenha tido um lançamento bem-sucedido em 2010 para Xbox 360 e PlayStation 3, o game nunca chegou aos PCs. Na verdade, a comunidade dos computadores tenta há alguns anos rodar o jogo através de emuladores. Agora, isso finalmente é possível, e com grande estilo, já que conseguiram executar o game a 300 FPS e algumas ressalvas.

Utilizando o emulador Xenia de Xbox 360, o canal especializado Digital Foundry realizou testes de RDR no software, que conseguiu atingir de 200 a 300 quadros por segundo na resolução Full HD. O RPCS3, famoso emulador do PS3, também consegue rodar o icônico título, mas em uma média que varia dos 60 a 100 FPS.

O resultado é certamente impressionante, visto que não somente a fluidez da jogabilidade melhorou, como também os visuais. As sombras possuem mais profundidade, assim como o serrilhado fica menos evidente em diversos trechos. O primeiro Red Dead Redemption fica mais “vivo” e dinâmico.

Continua após a publicidade

A jogabilidade geral ganhou suporte ao mouse e teclado, já que as versões originais só tinham compatibilidade com os controles da época. Isso também traz uma experiência mais imersiva ao jogador, visto que a combinação desses periféricos proporciona uma jogatina mais leve. Porém, para esse combo funcionar os jogadores precisam realizar alguns procedimentos antes de entrar no emulador.

Read Dead Redemption no PC não é para qualquer um

Embora os resultados sejam impressionantes, principalmente pelo fato de não ser uma versão oficial feita pela Rockstar, rodar Red Dead Redemption nesse framerate é um desafio. O vídeo mostra um setup com processador Intel Core i9-12900K de 16 núcleos e 32 threads, somado a uma poderosa NVIDIA GeForce RTX 4090. Mesmo com todo esse poder de fogo, a taxa de quadros varia e pode cair para até 50 quadros em certos momentos.

Nas grandes áreas abertas do oeste norte-americano a taxa de quadros se mantém alta, mas é só chegar em cidades bem povoadas e densas, como Armadillo, que a média cai consideravelmente. Isso acontece porque o Xenia emula a GPU do Xbox 360, sobrecarregando a placa de vídeo do computador.

Para se ter uma ideia, o combo AMD Ryzen 3 3600X e uma GeForce RTX 4070 bate 37 frames em cidades menores, enquanto luta para segurar a média dos 60 FPS nas demais áreas.

Remaster oficial pode estar a caminho

Continua após a publicidade

Hoje, a melhor opção para jogar Red Dead Redemption é através do Xbox Series X e Series S, que “forçam” uma resolução 4K, mas mantém os 30 FPS. No entanto, o GRAC (Comitê de Classificação e Administração de Jogos da Coreia do Sul) listou uma nova versão do game nas últimas semanas, reforçando um rumor antigo de que a Rockstar trabalha em um remaster ou remake do clássico.

Por enquanto ainda há muito mistério sobre esse suposto lançamento, mas o histórico recente do estúdio quando o assunto são remasters não é bom. A coletânea refeita Grand Theft Auto Collection ficou marcada por uma péssima otimização e inúmeros bugs nos consoles e PCs.