GTA 5 para nova geração remove conteúdos transfóbicos

GTA 5 para nova geração remove conteúdos transfóbicos

Por Lucas Arraz | Editado por Bruna Penilhas | 22 de Abril de 2022 às 09h35
Divulgação/Rockstar Games

A Rockstar Games removeu conteúdos considerados transfóbicos das versões de nova geração de Grand Theft Auto V (GTA 5). A remoção foi detectada pelo usuário JayProspero, no Reddit.

O jogador identificou uma pequena mudança em um dos prédios do jogo que chegou ao PlayStation 5, Xbox Series S e Series X. Nas mais recentes versões, GTA 5 abandonou uma fileira de figuras de ação de uma personagem com “genitália intercambiável”. A figura aparecia vestida de rosa, com maquiagem exagerada e com uma protuberância grande semelhante a um pênis entre as pernas. Por anos, jornalistas especializados e jogadores criticaram o conteúdo, apontado como um ataque desagradável a mulheres trans.

Também foram removidos da última edição do GTA 5, NPCs (personagens não jogáveis) que foram rotulados como “drag queens” no modo diretor do jogo e marcados como “travestis” nos arquivos do jogo no PC. Esses personagens também ostentavam maquiagem berrante, protuberâncias e podiam ser ouvidos, às vezes, dizendo ao jogador ou a outros NPCs que estavam usando “hormônios”, em tom jocoso.

Embora a Rockstar Games tenha removido a porção do jogo, a desenvolvedora não comentou a decisão ou as críticas.

GTA 5 e GTA Online chegaram, originalmente, em 2013 para PlayStation 3 e Xbox 360, ganhando uma remasterização para PS4, Xbox One e PC um ano depois. Em 2022, a aventura de sucesso da Rockstar desembarcou com uma nova remasterização no PlayStation 5, Xbox Series X e Xbox Series S.

Fonte: Kotaku

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.