Qual é a diferença entre AirTag e Galaxy SmartTag+?

Qual é a diferença entre AirTag e Galaxy SmartTag+?

Por Thiago Furquim | Editado por Bruno Salutes | 24 de Maio de 2021 às 13h30
YouTube/Apple

A Apple e a Samunsg entraram de vez no mercado de rastreadores Bluetooth com os lançamentos anunciados no início deste ano dos AirTags e a segunda geração das SmartTags+, respectivamente. As etiquetas eletrônicas das duas empresas ajudam a encontrar chaves, bolsas, mochilas e outros objetos perdidos de forma precisa. Afinal, qual a diferença entre os dois?

Apesar de serem dispositivos muito semelhantes, ambos possuem suas características próprias que devem guiar a escolha final do consumidor. De antemão, vale destacar que ambos funcionam apenas em seu próprio ecossistema.

Isso que dizer que o AirTag é indicado para usuários com dispositivo iOS pelo app Buscar, enquanto o SmarTag+ da gigante sul-coreana só funcionará com dispositivos da linha Samsung Galaxy pelo serviço "SmartThings Find".

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Apesar desta limitação, se você tem um MacBook e utiliza um aparelho Samsung da linha Galaxy, por exemplo, pode optar por qualquer uma das etiquetas de rastreamento Bluetooth. Para ajudar na escolha, saiba tudo sobre o funcionamento dos dois dispositivos e veja qual o ideia para usar no dia a dia.

Tecnologia de rastreamento, como funciona?

O potencial de localização dos dois rastreadores é enorme, ambos contam com tecnologia Ultra Wideband (UWB) que proporciona bom alcance e funções inteligentes de rastreio.

O chip U1 facilita a busca precisa do AirTag - Imagem: Divulgação/Apple

O iPhone conta com a tecnologia do chip U1 de banda ultralarga para apresentar dados com mais precisão ao iPhone a partir da linha 11, utilizando informações do acelerômetro e giroscópio para orientar o usuário sobre a direção exata por meio de direcionamento na tela, alertas sonoros e táteis.

O SmartTag+ funciona de uma maneira semelhante, o seu aplicativo oferece tecnologia de realidade aumentada no smartphone para encontrar um item perdido. A tecnologia facilita bastante a orientação apontando a direção que o usuário deve seguir e emitindo toques altos para facilitar a busca.

O smartphone da linha Galaxy usa AR kit para localizar o rastreador no app - Imagem: Divulgação/Samsung

Nos dados de alcance, o SmartTag+ da Samsung leva grande vantagem, com capacidade para até 120 metros. Já os AirTags da Apple alcançam somente 61 metros. Porém, isso não significa que seja mais fácil encontrar aparelhos pedidos com o rastreador da Samsung.

E se estiver fora do raio de alcance?

Caso o usuário esteja fora do raio de alcance, a etiqueta eletrônica envia sinais para outros dispositivos ao redor que se comunicam com o servidor para enviar ao dono do rastreador a localização aproximada do objeto.

Esse recurso dá ampla vantagem para a Apple. Por obrigar que iPhones e outros aparelhos tenham um ID Apple registrados no momento da ativação, basta que qualquer um destes dispositivos estejam no raio de alcance de um item perdido com AirTag para enviar sinais criptografados aos servidores da empresa da maçã, por fim, comunicando ao dono dados de localização.

O AirTag pode ser encontrado facilmente com ajuda de outros usuários Apple - Imagem: Divulgação/Apple

Já o seu concorrente, apesar de ser obrigatório ter uma conta Samsung para usar o SmartTag+, a empresa não obriga que outros donos de Galaxy registrem seu aparelho com uma conta do seu serviço, diminuindo drasticamente o potencial da rede de alcance.

Construção, durabilidade e design

Ambas os rastreadores apresentam tamanhos e construções semelhantes, embora cada um também apresente seus fatores vantajosos.

O AirTag possui 32 mm de diâmetro e 6 mm de espessura, tem uma construção sólida de plástico, com design arrojado, aspecto arredondado e muito elegante. A sua grande vantagem é ter certificado IP67, com resistência a água e mergulhos a até 1 metro de profundidade por 30 minutos de duração.

Embora, para maior partes dos casos, seja necessário comprar um chaveiro para utilizar o AirTag, para quem gosta de enfeitar seus dispositivos e tem preferência por cores mais animadas a Apple disponibiliza no site diversas opções para compra.

Além disso, você pode personalizá-lo com gravuras e imagens dos mais variados tipos no site da Apple. Definitivamente este rastreador foi pensado para ser exibido a outras pessoas e fazer parte da rotina do usuário, não escondido num bolso.

As opções de chaveiro pode agradar aos gostos mais variados - Imagem: Divulgação/Apple

Quanto ao concorrente, o SmartTag+ tem uma construção bastante resistente, com aspecto quadrado de cantos arrendodados em plástico, com 39 mm de lado e 10 mm de espessura e cores bastante variadas, semelhante às opções de chaveiro da Apple.

Ele não possui resistência a mergulhos na água, seu certificado IP53 garante proteção contra respingos d'água e poeira, porém, possui a vantagem de não apresentar marcas de risco facilmente e ter um buraco para colocar argolas metálicas de chaveiro e facilitar a fixação em outros lugares.

Além do material resistente e boa ergonomia, o SmartTag+ conta com diversas cores - Imagem: Divulgação/Samsung

Os rastreadores Bluetooth da Apple e Samsung prometem vida útil da bateria por cerca de um ano. O ponto positivo é que ambos os dispositivos podem ser abertos para troca da bateria, um modelo CR2032, que é encontrada facilmente em diversas lojas de comércio eletrônico.

A troca de baterias do AirTag é bastante simples - Imagem: Reprodução/MacRumors

Confira abaixo alguns dados comparativos entre o AirTag e o SmarTag+.

Apple Airtag Samsung SmartTag+
Dimensões 32 mm de diâmetro / 8 mm de espessura 39 mm x 39 mm x 10 mm 
Peso 11 gramas 13 gramas
Toca som Sim Sim
Cores Prata Preto, bege, rosa e verde
Customização Imagem personalizada Nenhum
Resistência à água IP67 (até um metro de profundidade por 30 minutos) IP53 (respingos d'água e poeira)

Preço e disponibilidade

Os AirTags já estão disponíveis aqui no Brasil e o seu preço oficial na Apple Store brasileira está saindo R$ 369,00 cada unidade. Você também pode optar pelo conjunto de 4 unidades e levar por R$ 1.249,00. Realizando o pedido no site da Apple, as personalizações com gravuras é gratuita. Assim como o AirTag, seus chaveiros também estão disponíveis para compra, com preços a partir de R$ 379,00.

A Samsung, porém, ainda não disponibilizou o SmartTag+ no Brasil até a publicação desta matéria. Caso você tenha urgência para utilizar este equipamento, pode optar pela sua versão básica, sem a tecnologia UWB, que tem preço de referência a R$ 199,00 e outras opções mais baratas no mercado.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.