SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Terra e Lua aparecem juntas em fotos de sonda que orbita Marte

Por| Editado por Patricia Gnipper | 12 de Julho de 2023 às 16h20

Link copiado!

ESA/DLR/FU Berlin
ESA/DLR/FU Berlin

A Agência Espacial Europeia publicou uma nova animação que mostra a Terra e a Lua de um jeito diferente: ambos os corpos aparecem vistos de Marte, na perspectiva da sonda Mars Express. As fotos foram capturadas em meio às celebrações dos 20 anos de lançamento da espaçonave.

Se ver nosso planeta pequeno e pálido a uma distância tão grande soa familiar, é porque as fotos foram inspiradas naquela feita pela sonda Voyager 1, durante a década de 1990. Enquanto seguia viagem pelo espaço, ela voltou seus instrumentos para a Terra e tirou uma foto do nosso planeta a 6 bilhões de quilômetros, parecendo um ponto em um raio de luz solar.

Mais de 30 anos depois, outras sondas espaciais apontaram seus instrumentos para a Terra e tiraram outras fotos enquanto seguiam aos seus destinos no Sistema Solar. Entre elas, está a Mars Express, que registrou a Lua e a Terra tão distantes que ficaram com tamanho equivalente ao de uma formiga vista a 100 metros de distância.

Continua após a publicidade

A animação acima mostra uma sequência de fotos, capturadas entre maio e junho. Nelas, a distância entre a Terra e Marte variou de 279 milhões de km a 301 milhões de km, aproximadamente.

As imagens marcaram o fim do aniversário do lançamento da nave, e foram feitas um pouco antes de um evento especial: as imagens capturadas pela câmera Visual Monitoring Camera, da Mars Express, foram transmitidas ao vivo para a Terra naquela que foi a primeira live já feita de Marte.

“Não há valor científico nestas imagens, mas como as condições nos permitiram apontar a [câmera] HRSC para a Terra e, pouco depois, a VMC a Marte, aproveitamos a oportunidade para criar nosso próprio retrato do nosso lar nesta conquista incrível para a Mars Express”, comemorou Daniela Tirsch, membro da equipe da espaçonave.

Continua após a publicidade

Fonte: ESA