SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Veja a 1ª live de Marte com imagens de sonda da ESA nesta sexta (2)

Por| Editado por Patricia Gnipper | 01 de Junho de 2023 às 18h03

Link copiado!

ESA
ESA

Na sexta (2), a Agência Espacial Europeia (ESA) vai fazer a primeira live de Marte, com imagens enviadas diretamente do Planeta Vermelho. A live faz parte das comemorações dos 20 anos do lançamento da sonda Mars Express, e vai representar o mais próximo que ficaremos de ver imagens ao vivo do Planeta Vermelho.

A ESA vai exibir novas imagens tiradas pela câmera Visual Monitoring Camera (VMC), da Mars Express. A sonda chegou ao planeta em 2003 e conta com esta câmera, criada para monitorar a separação do lander Beagle 2 há duas décadas; após acompanhar o procedimento, ela foi desativada.

Já em 2007, a câmera foi ativada outra vez para atividades científicas e ajudou em uma série de descobertas sobre Marte — entre elas, está uma longa nuvem, observada sobre um dos vulcões mais famosos do planeta.

Continua após a publicidade

Durante a live, as imagens capturadas pela câmera vão ser transmitidas a cada 50 segundos, mas isso não significa que vai levar apenas um minuto para chegarem à Terra. Na verdade, vai demorar cerca de 18 minutos no total, se considerarmos o momento desde a captura das imagens em órbita até a exibição delas.

Este tempo inclui 17 minutos para a luz viajar de Marte até a Terra na configuração atual, e cerca de um para percorrer cabos e servidores em solo. O tempo se deve à distância de Marte somada à sua posição e à da Terra em relação ao Sol, que fazem com que os sinais de lá levem até 22 minutos para chegar aqui. É por isso que não é possível ver imagens de Marte ao vivo, no sentido literal.

Como ver a primeira live de Marte?

Continua após a publicidade

Para comemorar o lançamento e atividades da Mars Express, as equipes da missão passaram os últimos meses trabalhando em ferramentas para garantir a transmissão de imagens processadas em alta qualidade.

A transmissão das imagens de Marte vai acontecer no canal da ESA no YouTube a partir das 13h, no horário de Brasília, e vai durar uma hora.

James Godfrey, gerente de operações de naves na ESA, observou que a câmera é antiga e que nada do tipo nunca foi feito antes, o que significa que não é garantido que a transmissão vai dar certo.

Continua após a publicidade

“Mas estou otimista. Normalmente, vemos imagens de Marte e sabemos que elas foram tiradas alguns dias antes. Estou animado para ver Marte como é agora — tão perto como vamos conseguir ficar de 'marcianos!'”, finalizou.

Fonte: ESA