SpaceX pode receber autorização de voo orbital do Starship em dezembro, diz FAA

SpaceX pode receber autorização de voo orbital do Starship em dezembro, diz FAA

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 16 de Novembro de 2021 às 12h30
SpaceX

A SpaceX planeja realizar um teste de voo orbital com o veículo Starship e, para isso, precisa de aprovação da Federal Aviation Administration (FAA), entidade que regula voos nos Estados Unidos. Assim, a instituição vem realizando uma análise que inclui uma avaliação ambiental das atividades da empresa em Starbase, em instalações localizadas próximas de Boca Chica, no Texas. Agora, parece que o processo está próximo de ser concluído: de acordo com uma atualização publicada nesta segunda-feira (16) pela FAA, a análise deve ser finalizada no dia 31 de dezembro.

A novidade parece ter animado Elon Musk, fundador e CEO da empresa, que publicou um tuíte elogiando o trabalho das instituições envolvidas neste processo de avaliação. “O trabalho duro realizado pela FAA, US Fish & Wildlife and Texas Parks é muito apreciado, além do forte apoio local do condado de Cameron e Brownsville/South Padre”, disse, em um tuíte publicado nesta segunda (16). Em ocasiões anteriores, ele criticou os processos regulatórios conduzidos pela FAA.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Uma versão preliminar da análise foi publicada em setembro, e a entidade convidou o público a fornecer comentários sobre o documento até o início de novembro. A participação pública rendeu mais de 17 comentários escritos e, além disso, a FAA realizou também duas audiências públicas via Zoom durante outubro e obteve 121 comentários verbais. Para ser autorizada a realizar o teste de voo, a SpaceX precisa aguardar a finalização do processo de licenciamento da FAA, que envolve também essa análise ambiental.

O teste será realizado com o veículo Starship, que a SpaceX está desenvolvendo para levar pessoas e cargas à Lua, Marte e outros destinos distantes. Uma versão adaptada do sistema foi escolhida também para o programa Artemis, para levar astronautas à superfície lunar. Porém, antes disso tudo acontecer, a empresa planeja realizar um teste de voo orbital não tripulado com o protótipo SN20 impulsionado pelo Booster 4, uma versão do propulsor Super Heavy, equipada com 29 motores Raptor.

Imagem de um teste do protótipo SN20, em que os motores foram acionados pela primeira vez (Imagem: Reprodução/SpaceX)

Para o teste, a empresa planeja lançar o Starship do Golfo do México. Logo após o lançamento, o Super Heavy retornará para pousar enquanto o SN20 segue viagem para a órbita da Terra, completando uma volta ao redor do nosso planeta antes de uma amerissagem controlada próxima da ilha de Kauai. Até o momento, os demais protótipos do Starship realizaram voos breves, chegando a até 10 km de altitude.

Fonte: Space.com, Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.