NASA deve treinar astronautas em voos suborbitais com empresas privadas

Por Patrícia Gnipper | 21 de Abril de 2020 às 14h00
Kerbal Space Program
Tudo sobre

NASA

Saiba tudo sobre NASA

Ver mais

Treinamentos futuros da NASA com seus astronautas poderão também ser realizados em voos suborbitais em parceria com empresas privadas. O administrador da agência espacial, Jim Bridenstine, disse que a NASA poderá contar com esse tipo de viagem para treinar astronautas no espaço, aproveitando também para fazer experimentos de pesquisas científicas. Mas, antes disso, é preciso ter a certeza de que esses voos sejam realmente seguros.

A ideia é que os voos suborbitais ajudem nos planos da agência de levar novos astronautas à superfície da Lua em 2024, como parte do Programa Artemis. Esses voos podem permitir que os astronautas adquiram familiaridade com o ambiente espacial mais rapidamente, antes de serem enviados a missões de longa duração no espaço.

Como funciona um voo suborbital (Imagem: SubOrbitality)

Voos suborbitais atingem a Linha de Kárman, aquele ponto acima do nível do mar que marca onde o espaço realmente começa. A convenção é a de que tal limite fica a uma altitude de 100 km, marcando onde acaba a atmosfera terrestre e onde começa o espaço exterior. Em alta velocidade, a gravidade é reduzida, por alguns minutos, a ponto de simular o ambiente espacial, o que é suficiente para a realização de experimentos científicos como se estivessem sendo feitos na microgravidade.

Entre as empresas que vêm apostando nesse tipo de voo, está a Virgin Galactic, que já fez dois voos suborbitais bem sucedidos em caráter de testes, e também a Blue Origin, que tem planos similares. A Virgin, por sinal, já chegou a vender uma série de passagens para turistas que desejem experimentar a sensação de microgravidade em voos suborbitais, mas ainda não confirmou quando essas viagens devem acontecer (depois de muitos atrasos no cronograma).

A VSS Unity é uma das aeronaves capazes de fazer voos suborbitais como os que a NASA prevê para o treinamento de astronautas (Imagem: Virgin Galactic)

Depois de levar astronautas em treinamentos nessas naves suborbitais privadas, a NASA pode, ainda, abrir o caminho para que pessoas comuns também o façam. "Estamos nos aproximando rapidamente do dia em que muitas pessoas se tornarão astronautas", disse Bridenstine. "Isso é bom para nossa nação e bom para o mundo", opina.

Fonte: Space.com

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.