Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

NASA anuncia quais são as empresas que vão criar veículo lunar

Por| Editado por Luciana Zaramela | 04 de Abril de 2024 às 17h29

Link copiado!

NASA
NASA

O futuro veículo que vai ajudar astronautas a se deslocarem na Lua ficou mais perto de se tornar realidade. Nesta quarta-feira (3), a NASA anunciou que a Intuitive Machines, Lunar Outpost e Venturi Astrolab foram escolhidas para trabalhar em versões do Veículo de Terreno Lunar (LTV, na sigla em inglês), o rover que os astronautas do programa Artemis vão usar na Lua.

Com a seleção, cada empresa recebe uma ordem de serviço de viabilidade. Assim, as companhias vão passar os próximos 12 meses trabalhando em um sistema conceitual que atenda aos requisitos exigidos pela NASA nesta etapa preliminar, voltada para o amadurecimento dos projetos. 

Depois, as companhias e suas equipes vão poder disputar outra ordem de serviço. Esta fase do projeto vai ser voltada para a construção do veículo e envio dele à Lua para uma demonstração antes do lançamento da Artemis V, estimado para março de 2030. 

Continua após a publicidade

Portanto, a NASA adquiriu os serviços dos rovers, não os veículos propriamente ditos. Os contratos firmados são parecidos com aqueles que a agência espacial fechou com a SpaceX para levar astronautas e cargas à Estação Espacial Internacional. 

Foi em 2022 que a cápsula Orion foi enviada à órbita lunar sem tripulação durante a Artemis I, a primeira missão do programa. Já a Artemis II deve ser lançada em setembro de 2025, levando quatro astronautas para a órbita da Lua. A Artemis III, que vai levar novos astronautas à superfície lunar, está programada para 2026.

Veículo lunar

Quando estiver pronto, o LTV vai se tornar o primeiro carro lunar na Lua desde o Lunar Roving Vehicle, usado pela primeira vez na missão Apollo 15, em 1971. Assim como aquele veículo, o LTV deve ser despressurizado, ou seja, os astronautas vão conduzi-lo vestindo trajes espaciais. 

Abaixo, você confere um vídeo da montagem e uso do Lunar Roving Vehicle:

Além disso, o LTV promete levar os novos exploradores lunares por distâncias longas demais para serem percorridas a pé. Por isso, a NASA destaca que o novo veículo precisa de alguns recursos especiais, como resistência às condições extremas da Lua, sistemas de direção autônoma e de navegação. 

Continua após a publicidade

Segundo a agência espacial, o LTV pode funcionar remotamente na Lua nos intervalos entre as missões do programa Artemis. Fora destes intervalos, o veículo deve ficar livre para uso em atividades comerciais na Lua, mesmo que não tenham ligação com missões da NASA.

Fonte: NASA