Elon Musk dribla atrasos e SpaceX avança na produção do poderoso Starship

Elon Musk dribla atrasos e SpaceX avança na produção do poderoso Starship

Por Danielle Cassita | 02 de Setembro de 2020 às 13h50
SpaceX

Os atrasos no calendário dos próximos testes de voo de mais um protótipo do foguete Starship não parecem ter afetado o progresso da SpaceX — é o que diz Elon Musk, CEO da empresa, durante uma entrevista no evento Humans to Mars. Ele declarou que a empresa vem progredindo na produção do veículo espacial que levará humanos a destinos como a Lua e Marte.

"Em relação ao Starship, onde nós estamos realmente fazendo progresso é no sistema de produção. Há um ano havia quase nada, e hoje já temos uma grande capacidade de produção", disse ele. Aqui, ele se referiu tanto ao progresso que a empresa vem apresentando em testes de voo quanto no desenvolvimento das instalações de produção do Starship no Texas.

Imagem do protótipo SN5, que completou o teste de voo com sucesso (Imagem: SpaceX)

Será iniciada ainda nesta semana a construção do “protótipo um de booster”, que se refere à primeira etapa do sistema de lançamento. Se tudo correr conforme o planejado, o primeiro voo orbital deverá ser realizado já no ano que vem — entretanto, ainda não sabemos se este voo ocorrerá apenas com o veículo Starship ou se o compartimento tripulável também será utilizado. “Espero que façamos vários voos, e os primeiros podem não funcionar. Esse é um território desconhecido: ninguém nunca construiu um foguete orbital completamente reutilizável”.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A SpaceX planeja que o Starship possa levar uma grande quantidade de cargas e até 100 humanos algum dia para destinos distantes, começando com a Lua e Marte. Entretanto, ainda faltam algumas etapas até isso ser possível, uma vez que, até agora, a empresa já liberou alguns protótipos, mas apenas um deles chegou a voar: em agosto, o protótipo SN5 finalizou um teste breve de voo com sucesso. Seus antecessores não tiveram tanta sorte, e acabaram destruídos.

Assim, Musk também trouxe algumas informações sobre o que esperar de seus planos para Marte: ele acredita que o novo sistema pesado de lançamento deverá realizar centenas de missões com satélites antes de levar pessoas a bordo ao Planeta Vermelho. “Precisamos de muitas pessoas com vontade de ir a Marte. Vai ser um pouco arriscado, mas também será uma aventura legal e divertida”, disse.

Fonte: Space.com, SpaceNews

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.