Sucesso! Protótipo do Starship sai do chão e faz 1º voo de teste da SpaceX

Sucesso! Protótipo do Starship sai do chão e faz 1º voo de teste da SpaceX

Por Daniele Cavalcante | 05 de Agosto de 2020 às 15h25
NASA

“Marte parece real”, disse Elon Musk no Twitter, após o novo teste bem sucedido do da Starship, a nave da SpaceX projetada para levar seres humanos a destinos como a Lua e o Planeta Vermelho. Na última terça-feira (4), o protótipo da nave, chamado SN5, fez um pequeno voo, e agora o projeto avança para a próxima etapa de experimentações.

A empresa não esperou muito tempo após o último teste de ignição estática, realizado com o mesmo protótipo, no dia 31 de julho. O SN5, por enquanto alimentado apenas por um único motor Raptor, decolou à noite, no local de testes da SpaceX em Boca Chica, Texas. O voo foi programado para atingir uma altitude de 150 metros, mas a SpaceX não divulgou a altitude exata que o veículo alcançou.

Starship takes flight pic.twitter.com/IWvwcA05hl

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Depois do “salto”, provavelmente a uma altitude não muito distante dos 150 planejados, a nave pousou em um local ali perto. Tudo durou cerca de 45 segundos. No vídeo da SpaceX, alguns detritos aparecem se soltando do suporte de lançamento após a decolagem e uma parte do motor parecia estar pegando fogo quando o veículo desceu. Nada disso parece ter causado problemas no voo ou na integridade da nave, no entanto.

Apesar do entusiasmo de Musk nas redes sociais, a Starship está atrasada no cronograma apresentado pelo CEO em setembro passado. Ele previa que, a esta altura, a nave já estaria decolando em voos de testes muito maiores. No entanto, uma série de falhas nos testes de ignição estática acabou adiando os planos. Novos protótipos tiveram que ser construídos e testados, até que não houvesse mais nenhuma falha com os tanques de combustível ou com o motor.

A SpaceX não divulgou detalhes sobre os próximos testes da Starship, mas Musk garante que ainda haverá “vários saltos curtos”, antes de experimentar grandes altitudes. As restrições temporárias de voos da Administração Federal de Aviação, para que os testes da nave sejam realizados, permaneçam em vigor até 6 de agosto. Essas restrições vigoram sobre o local de lançamento, impedindo que veículos voem abaixo de 6.000 metros sobre a área.

A versão final da nave Starship contará com seis motores Raptor, ter 50 metros de altura e capacidade para transportar até 100 pessoas. A cápsula equivalente à espaçonave, em si, será lançada sobre o foguete Super Heavy, nome dado à parte responsável pelo lançamento de fato, sendo equipado com 31 motores Raptor. Embora haja planos de usá-lo para voos à Lua, a grande expectativa é que o Starship seja o veículo que levará humanos para dar início à colonização de Marte na década de 2030, possivelmente.

Representantes da SpaceX disseram que as primeiras missões do sistema Starship/Super Heavy poderiam começar já em 2021, com ​​lançamentos de satélites de comunicações comerciais.

Fonte: SpaceNews

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.