Warner Bros pode fazer mais filmes de Harry Potter

Warner Bros pode fazer mais filmes de Harry Potter

Por Durval Ramos | Editado por Jones Oliveira | 19 de Maio de 2022 às 14h00
Divulgação/Warner Bros. Interactive Entertainment

Mais conteúdos relacionados a Harry Potter podem chegar ao cinema em um futuro próximo. O novo CEO da Warner Bros, David Zaslav, quer se encontrar com a autora J.K. Rowling para discutir novas maneiras de explorar a franquia e todo o conteúdo relacionado ao Mundo Mágico criado por ela — o que pode significar mais filmes vindo aí.

De acordo com o Wall Street Journal, ainda não há nada de concreto, apenas a vontade do executivo de se reunir com Rowling e que a movimentação nos bastidores para que isso aconteça já começou. Contudo, a simples sinalização dessa vontade já diz muito sobre os planos da empresa para a série, que foi um dos maiores sucessos do estúdios por toda uma década, mas que agora cambaleia com a derivada Animais Fantásticos.

Será que estamos prontos para rever os personagens mais velhos? (Imagem: Divulgação/HBO Max)

O longa mais recente desse spin-off, Os Segredos de Dumbledore, arrecadou apenas US$ 379 milhões em todo o mundo, bem abaixo do obtido por seus antecessores. Os Crimes de Grindelwald já tinha ficado aquém do esperado, com US$ 648 milhões, enquanto Animais Fantásticos e Onde Habitam chegou a US$ 811 milhões.

Diante dessa queda vertiginosa do interesse do público na série, não seria estranho a Warner tentar devolver o protagonismo a Harry Potter com uma eventual adaptação da peça Harry Potter e a Criança Amaldiçoada. Levando em conta que é o único material do personagem ainda inédito nas telonas, seria o caminho mais óbvio a ser tomado.

Outra possibilidade seria contar outras histórias do universo do bruxo mais famoso dos cinemas. Há tempos fãs pedem para ver nos cinemas e na TV a história dos fundadores de Hogwarts; a origem de Tom Riddle, sua transformação e como sua ascensão como Lord Voldemort fez eclodir a Primeira Guerra Bruxa. Mais ideias incluíriam desde o aprofundamento na história e vida de Alvo Dumbledore, como Animais Fantásticos vem ensaiando fazer nos dois últimos filmes; passando pela história dos Marotos e Severo Snape, até a ida dos filhos de Harry e Gina à Escola de Magia e Bruxaria.

A verdade é que, até agora, tudo é apenas especulação. Contudo, não há como negar que Zaslav chegou à presidência já mexendo em bastante coisa e sinalizando interesse em aproveitar as diversas propriedades do estúdio.

Ele assumiu o posto após a fusão entre a AT&T e Discovery e, desde então, já mexeu em alguns pontos importantes dentro da cultura da Warner. Entre elas, indicou que quer acelerar a produção de conteúdo a ponto de ter uma média de dois lançamentos mensais nos cinemas, além de focar na redução de custos em projetos mais caros. Assim, faz sentido essa vontade de se encontrar com Rowling para ver como a mágica de Harry Potter ainda é capaz de gerar dinheiro.

Fonte: Wall Street Journal

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.