Homem-Aranha │ Fãs iniciam campanha para novo filme com Andrew Garfield

Homem-Aranha │ Fãs iniciam campanha para novo filme com Andrew Garfield

Por Durval Ramos | Editado por Jones Oliveira | 20 de Dezembro de 2021 às 18h21
Divulgação/Sony Pictures

Atenção! Este texto tem spoilers de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa

O retorno de Andrew Garfield como Peter Parker em Homem-Aranha: Sem Volta para Casa foi tão bem-recebido pelo público que a internet já organizou uma campanha para trazer o ator de volta para a franquia. O apelo é que a Sony dê a ele um novo filme para encerrar a sua trilogia iniciada em O Espetacular Homem-Aranha — e há até algumas sugestões de vilões para esse roteiro que nem existe.

A movimentação surgiu nas redes sociais com a #MakeTASM3 e pessoas pedindo a produção desse terceiro longa protagonizado por Garfield. Para isso, eles se apoiam principalmente em uma fala do seu Homem-Aranha em Sem Volta para Casa, em que ele diz para os demais heróis que, ao contrário de Tobey Maguire e Tom Holland, nunca enfrentou um alien e queria ter a oportunidade de fazer isso.

Assim, não demorou para que a campanha ganhasse força, com gente inclusive sugerindo que O Espetacular Homem-Aranha fosse inserido dentro do mesmo universo de Venom e Morbius para que a sua versão do personagem pudesse continuar nas telas em paralelo com aquela presente dentro do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês).

A coisa toda se tornou tão grande e organizada que alguns perfis já passaram a organizar tuitaços e a hashtag já entrou entre os assuntos mais comentados do Twitter — além do fato de que o ator passou todo o último fim de semana nos trending topics graças às reações do público em relação ao seu retorno.

Um Homem-Aranha de puro carisma

E toda essa boa receptividade das pessoas com o Peter Parker de Andrew Garfield é facilmente explicável. Além do fato de ele ter sido o único a não ter uma trilogia completa, é nítida a alegria do ator de voltar a interpretar o Homem-Aranha. Sua entrada na história é muito divertida e todos os diálogos e interações que vêm na sequência apenas deixam claro o quanto o ator estava feliz em vestir aquele uniforme mais uma vez.

Essa relação do ator com o personagem é algo que não se limita apenas a Sem Volta para Casa. Muita gente aproveitou a campanha da #MakeTASM3 para resgatar um vídeo de 2011, quando o ator foi à San Diego Comic-Con fantasiado de Amigão da Vizinhança e deu um discurso emocionado sobre a importância do herói para a sua vida. Assim, é realmente difícil não torcer pela sua volta.

E pode ser que ela realmente aconteça. De acordo com o site Binge Watch This, já há algumas conversas em Hollywood apontando que Andrew Garfield pode voltar para mais conteúdos relacionados ao Homem-Aranha, mas que não há nada de muito concreto. Por isso mesmo as campanhas online decidiram se organizar para fazer pressão e viabilizar esse tipo de iniciativa.

A verdade é que, depois de todo o sucesso de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa e dessa boa recepção de Andrew Garfield, realmente é muito improvável que a Sony vá desperdiçar essa oportunidade. Basicamente, temos milhões de fãs em todo o mundo implorando por mais produtos e querendo gastar com isso, então chega a ser ilógico algum tipo de resistência nesse sentido.

A única grande complicação fica em relação ao acordo com a Marvel. Kevin Feige revelou que os dois estúdios já estão pensando em novas histórias para o Aranha de Tom Holland e não sabemos se há espaço nessa parceria para que a Sony produza um filme do herói fora do MCU.

Como encaixar?

Já em relação a uma eventual inserção no chamado Sonyverso, colocando Garfield no mesmo mundo de Venom e Morbius, há alguns problemas de continuidade que talvez compliquem essa junção. Primeiro que já foi estabelecido que não existe um Homem-Aranha no mundo do simbionte. E ninguém sabe em que canto do multiverso está o filme do Vampiro-Vivo.

Além disso, O Espetacular Homem-Aranha: A Ameaça de Electro tem muitas pontas que não se conectam com os longas mais recentes. Exemplo disso é que ele termina sugerindo que o simbionte é algo relacionado a Norman Osborn daquela realidade e não um alienígena como a gente conhece.

É claro que tudo isso poderia ser alinhado com algumas linhas de diálogo, mas são exemplos de complicadores que podem dificultar essa junção toda. Ainda assim, levando em conta que o público quer ver Andrew Garfield voltar a ser o Homem-Aranha a todo custo, ninguém iria reclamar em fazer vistas grossas para essas incongruências.

Fonte: BingeWatchThis (Twitter)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.