Brasileiro mostra conceito das Tartarugas Ninjas em "proposta" para a Netflix

Por Laísa Trojaike | 08 de Maio de 2020 às 19h15
Mateus Santolouco
Tudo sobre

Netflix

Saiba tudo sobre Netflix

Ver mais

Criadas por Kevin Eastman e Peter Laird, as Tartarugas Ninja apareceram pela primeira vez em 1984, nos quadrinhos Teenage Mutant Ninja Turtles #1 publicados pela Mirage Comics. Na ocasião, Leonardo, Donatello, Raphael e Michelangelo usavam todos uma máscara vermelha, o que mudou após a série animada de 1987. Agora, o artista brasileiro Mateus Santolouco revelou as artes conceituais que havia feito em 2016 com o intuito de divulgar a obra que ele pretende ver sair do papel e que ele já intitulou como TMNT: Shinobi Chronicles.

Segundo Santolouco, tudo começou quando ele começou a brincar com a ideia de como seria a versão dele das Tartarugas para um público de até 13 anos que assistiria às histórias através da Netflix. “Fiz isso principalmente por diversão no começo, mas a ideia evoluiu para um conceito completo e decidi que iria oferecê-lo como uma minissérie de quadrinhos. Escrevi uma proposta de apresentação, criei um logotipo e até apresentei parte disso ao meu editor na IDW em uma reunião casual na SDCC.”

Em um terceiro tweet, Santolouco disse que o editor, apesar de ter gostado do conceito, já tinha outro projeto com os personagens em andamento. ”Para encurtar a história, acho justo dizer que o trabalho e a vida atrapalharam, e acabei não seguindo esse projeto.”

Por fim, ele comenta que não sabe porque não havia compartilhado as imagens antes e compartilha a esperança de que o projeto possa ser levado adiante. E alerta: “Os escritos japoneses em Kanji na logo provavelmente não estão corretos. Fiz o melhor que pude com o Google Tradutor.”

As Tartarugas Ninja de Santolouco apresentam um design mais realista, com braços, mãos, boca e formato craniano que se assemelham muito mais aos animais que conhecemos. Além disso, o artista também retomou o uso de bandanas vermelhas, mas com um estilo diferente, distinguindo os personagens com as cores características através de detalhes em seus trajes de combate.

Será que a Netflix vai notar o trabalho de Mateus Santolouco?

Fonte: CBR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.