5 dicas da ciência para aumentar sua produtividade

5 dicas da ciência para aumentar sua produtividade

Por Nathan Vieira | Editado por Luciana Zaramela | 27 de Abril de 2022 às 08h30
Gerd Altmann/Pixabay

Aumentar a produtividade não é uma tarefa simples, mas a ciência pode ser uma verdadeira aliada. Diversos estudos já conseguiram apontar comportamentos ou estímulos externos que podem fazer parte das rotinas diárias sob a premissa de elevar o desempenho. Nessa lista, abordamos cinco deles; confira!

Ouvir música

Especialistas destacam a existência de dois sistemas de atenção: o consciente e o inconsciente. Em uma tarefa, a atenção consciente costuma ficar totalmente ocupada, mas ainda pode ser desviada pelo sistema inconsciente. A música ao fundo cobre ruídos que eventualmente possam perturbar essa atenção inconsciente. O Canaltech já destacou como a música pode “esculpir” e até “acariciar” nossos cérebros.

No entanto, vale prestar atenção no gênero musical, porque faz a diferença. Como os nossos cérebros são mais estimulados por informações linguísticas, é melhor que a música não tenha letra. Além disso, se a canção tem um impacto negativo no humor, pode enfraquecer a motivação.

Dormir "o suficiente"

Muitos lugares na internet afirmam que acordar mais cedo é sinônimo de maior produtividade. No entanto, forçar-se a acordar cedo pode causar o efeito oposto, se não tiver dormido o suficiente. A dica dos especialistas é buscar uma noite de sono completa, que pode gerar benefícios para a memória, o foco e a saúde geral, além de elevar o humor e reduzir a irritabilidade. Esses efeitos impactam positivamente a produtividade.

Estudos apontam fatores para aumentar a produtividade (Imagem: Christin Hume/Unsplash)

Decorar o local de trabalho com plantas

Estudos relatam aumento na produtividade quando as plantas são introduzidas no local de trabalho, por conta do processo de restauração da atenção. Quando olhamos para a vegetação natural, o cérebro se sente ocupado de uma maneira revigorante. Segundo um artigo da American Psychological Association, é como se as plantas reabastecessem os recursos cerebrais.

Hábitos saudáveis

O exercício físico regular tem demonstrado benefícios para o corpo e para o cérebro. Na prática, quanto mais em forma o corpo estiver, mais recursos ele pode dedicar ao cérebro, melhorando a funcionalidade e a produtividade. Além disso, a atividade física é eficaz contra depressão e uma excelente arma na prevenção do Alzheimer.

O mesmo raciocínio pode se aplicar à alimentação saudável: abandonar alimentos que são conhecidos pelos prejuízos que causam à saúde (como aqueles que são ricos em gordura, açúcar) e dar lugar a alimentos mais naturais pode elevar a capacidade de concentração.

Descobrir como atingir o "estado de flow"

O estado de flow, conhecido também como estado de fluxo, envolve uma condição momentânea em que o cérebro atinge o ápice da concentração e da produtividade, de modo que se desligue a qualquer distração que houver ao redor.

No entanto, fatores que efetivamente ocupam as inúmeras partes do cérebro variam de pessoa para pessoa. Faz-se necessário, então, entender os estímulos que mais aumentam a sua produtividade. Na prática, ninguém saberá a melhor maneira de aumentar sua produtividade melhor do que você mesmo.

Fonte: Nielsen, NIH, APA, Live Strong via Science Focus

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.