Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Raios vistos do espaço | Satélite registra descargas elétricas na Terra

Por| Editado por Patricia Gnipper | 07 de Julho de 2023 às 12h10

Link copiado!

EUMETSAT/ESA
EUMETSAT/ESA

O satélite Meteosat da terceira geração foi lançado no ano passado e já começou a capturar imagens incríveis. A Agência Espacial Europeia (ESA) revelou animações feitas com fotos de raios em diferentes lugares do mundo, capturadas pelo instrumento Lightning Imager.

O dispositivo é capaz de detectar continuamente as emissões luminosas rápidas vindas dos raios, seja de dia ou de noite. Ele registra raios a 36 mil km de distância com a ajuda de quatro câmeras, que cobrem a Europa, África, Oriente Médio e partes da América do Sul.

Continua após a publicidade

O vídeo acima, por exemplo, foi feito com a câmera voltada para a Europa. Durante os períodos mais quentes do ano, ocorrem diariamente tempestades locais na região norte de lá. A animação mostra também sistemas tropicais de tempestades mais persistentes no oeste da África, visíveis no canto inferior esquerdo.

Já esta sequência mostra a zona de convergência intertropical, em que aglomerados de tempestades tropicais se movem de leste a oeste. Ela foi capturada pela câmera com visão do Oceano Atlântico, parte da África e parte da América do Sul.

Os vídeos foram feitos com sequências de fotos, criadas a partir das medidas de luz coletadas em apenas um minuto. Depois, estes dados foram sobrepostos em imagens da Terra feitas pelo Lightning Imager. Quando estiver totalmente operacional, o instrumento vai ajudar na previsão de tempestades intensas principalmente em regiões remotas e nos oceanos.

Continua após a publicidade

Vale destacar que estas animações são resultados preliminares do instrumento. No momento, o satélite está em sua fase de comissionamento, ou seja, seus componentes ainda estão passando por calibrações e testes. Segundo a ESA, os dados devem estar prontos para uso operacional no ano que vem.

Fonte: ESA