Como o Google Assistente e Alexa podem te ajudar durante a pandemia

Por Matheus Bigogno Costa | 26 de Março de 2020 às 19h00
Reprodução
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Echo

Ficha técnica

Com o avanço no número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil, e a declaração de uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS), ficar em casa é um ato de solidariedade e pode evitar que mais pessoas sejam contaminadas.

Porém, ficar em quarentena pode fazer com que muitas pessoas se sintam entediadas com a monotonia de algumas atividades. Além disso, cuidar da saúde mental é essencial em casos como o que a população está vivendo agora.

Em momentos como este, utilizar assistentes de voz pode ser uma saída para auxiliar a rotina de quem está em casa com mais frequência. Existem diversos recursos que as ferramentas podem oferecer, como perguntas, sugestões de afazeres domésticos e até mesmo indicações de fontes confiáveis para leitura.

Confira neste artigo como assistentes de voz como o Google Assistente e a Amazon Alexa podem ajudar as pessoas a aproveitarem melhor o tempo durante a sua estadia em casa.

Busque por informações úteis

Em um período que há muitas notícias e informações que mudam com frequência, estar atualizado e ter acesso a informações sérias é crucial para vencer a desinformação. Perguntar aos assistentes de voz sobre a doença pode trazer diversas respostas significativas para as dúvidas que temos em nosso cotidiano.

A Alexa pode informar um breve histórico do vírus e da doença, enquanto o Google Assistente é capaz de oferecer, além artigos com a definição da OMS, outros links confiáveis de notícias e conteúdos sobre a COVID-19.

Faça perguntas aos asisstentes de voz e obtenha informações confiáveis (Captura de tela: Matheus Bigogno)

Para reafirmar a garantia de acesso a informação séria, a Amazon removeu diversos aplicativos de voz com Skills para a Alexa, pois continham informações falsas. Já o Google se encarregou de remover uma série de questionários que tentavam verificar se a pessoa estava com a doença ou não.

Sendo assim, todas estas informações serão úteis para que os usuários estejam sempre atualizados com notícias e artigos confiáveis sobre a situação na sua região e no mundo. Porém, é importante que os usuários busquem outros tipos de conteúdo além de notícias para passarem um tempo em casa.

Sugestões sobre o que fazer em casa

Um dos maiores desafios de ficar em casa está diretamente relacionado ao isolamento. O ser humano é um ser social, e precisa de interação com outros. Ainda há aqueles que têm crianças que também foram mandadas para casa porque as escolas estão fechadas.

Porém, a boa utilização dos assistentes de voz pode fazer com que os dispositivos sejam conectados a novos jogos e até mesmo novos recursos. E todas estas sugestões permitem que as atividades sejam feitas em conjunto, além de ocuparem a mente das pessoas.

O Google Assistente possui um recurso de recomendação de jogos disponíveis na Play Store, que pode indicar diferentes jogos à medida que você for enjoando dos atuais. Já a Alexa consegue interpretar comandos de vários jogos, como Akinator, Uno e muitos outros.

Utilize assistentes de voz para criar rotinas

Ambos os assistentes de voz permitem que seus usuários adicionem itens de rotinas para que sejam lembrados no decorrer do dia. Com este recurso, os usuários poderão mudar suas atividades e testar novas opções enquanto estão em casa.

É possível adicionar à lista exercícios físicos, yoga, jogos de raciocínio lógico, leitura, estudar música e diversas outras atividades capazes de ocupar a mente dos usuários. O importante é diversificar as atividades realizadas durante o dia para não cair na monotonia.

Crie e gerencie suas rotinas utilizando o Google Assistente (Captura de tela: Matheus Bigogno)

Atualmente, é extremamente crucial que as pessoas passem a mudar seus hábitos e testar novas rotinas. Isto pode incluir até a forma como as pessoas realizam procedimentos de higiene, como lavar as mãos da forma correta.

Nos Estados Unidos, o Google Assistente implementou uma ação que irá tocar uma música infantil para ensinar às crianças a maneira correta de lavar as mãos em 40 segundos. No Brasil, se você pesquisar “Me ensine a lavar as mãos”, a ferramenta irá recomendar um artigo ensinando o procedimento correto para crianças e adultos.

Faça chamadas de voz rápida com frequência

Um recurso que diversos assistentes possuem e que pode ser utilizado com maior frequência é a chamada de voz. Estar em casa não implica necessariamente em estar distante das pessoas. Utilizar a tecnologia em nossas mãos para unir os amigos e a família em um chat com imagem e voz pode fazer com que as pessoas passem bem o tempo e sintam-se mais próximas umas das outras.

O recurso de chamadas é excelente para aqueles que querem manter contato com familiares e amigos, mesmo que seja apenas para mandar um "Oi", ou até mesmo saber como estão as coisas. Esta prática ainda fará com que o contato não seja perdido mesmo com a distância.

Cuidados com as respostas da Alexa e Google Assistente

Apesar de os assistentes de voz priorizarem as respostas sobre o vírus com as informações oficiais retiradas de bancos de dados como os da OMS, é muito importante entender que as inteligências artificiais que compõem os dispositivos não são perfeitas.

Existe a chance de a informação que foi repassada estar desatualizada ou ter sido retirada de algum site de notícias, ou um aplicativo não confiável. Até mesmo uma pergunta que não foi bem compreendida, pode direcionar a sites que podem ter informações desatualizadas.

Ainda existe a chance de o assistente de voz não compreender exatamente qual o contexto da pergunta que você fez e pode oferecer uma resposta diferente do que era esperado. Nestes casos, sempre que houver alguma dúvida sobre a sua saúde, o mais indicado é ficar em casa e, caso necessário, contatar virtualmente um médico de sua confiança.

Os assistentes de voz como o Google Assistente e a Alexa podem ser bastante úteis para aqueles que estão passando um tempo maior em casa, permitindo que seus usuários mantenham uma boa rotina e mantenham contato com familiares e amigos. Porém, é preciso utilizar seus recursos de forma sadia e com sabedoria.

E você? Está utilizando recentemente algum assistente de voz enquanto passa um tempo maior em casa? Deixe nos comentários contando um pouco da sua experiência.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Echo

  • Girafa*
    Echo Amazon Smart Speaker Alexa 3a Geração em Portugues Branco
    R$ 699,00
  • Fast Shop
    Echo 3 Geracao Smart Speaker com Alexa - Preto
    R$ 799,00