Siga o @canaltech no instagram

Oi

"Junto é bem melhor"
  • Fundação

    Brasil, em 01 de Março de 2002

  • Sede

    Setor Comercial Norte, Quadra 03, Bloco A, Edifício Estação Telefônica, térreo, parte 2 – Brasília - DF

Fundada oficialmente em 2002, a origem da Oi inicia em 1998 com a privatização da Telebrás, adquirindo posteriormente a Brasil Telecom em 2009, resultando no acesso a uma grande infraestrutura da telefonia fixa do país. Atuando nos serviços de telefonia fixa e móvel, internet de banda larga e televisão por assinatura, a Oi alcançou a marca de quase 60 milhões de clientes no final de 2017.

Em 2010, 22,4% da Oi foi adquirida pela Portugal Telecom e, no mesmo ano, esta foi comprada pela Oi. A fusão de ambas foi formalizada somente no final de 2013, que decidiu que a sede ficaria no Brasil, mas que operariam também em Portugal. A operação foi conturbada, envolvendo rombos financeiros e calotes, resultando na venda dos ativos portugueses em 2015.

No mesmo ano a Oi teve um prejuízo de R$ 5,3 bilhões, entrando com um pedido de recuperação judicial em 2016, mas que foi aprovado e homologado somente em 2018. No ano de 2017 o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) aprovou o investimento de capital da China Telecom, mas esta retirou a sua proposta posteriormente.

Junto com a Claro, Tim e Vivo a Oi é uma das maiores operadoras do Brasil, tendo participações em empresas em todo o mundo, como Angola, Cabo Verde, Moçambique e Quênia.