Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Toyota RAV4 plug-in chega ao Brasil com autonomia absurda

Por| Editado por Jones Oliveira | 08 de Abril de 2024 às 10h15

Link copiado!

Divulgação/Toyota
Divulgação/Toyota
Tudo sobre Toyota

O Toyota RAV4, SUV médio da montadora japonesa, entrará forte na briga por um lugar entre os híbridos mais vendidos do Brasil em um futuro próximo. Afinal, o modelo agora conta com uma inédita versão plug-in, batizada de RAV4 XSE Plug-in Hybrid.

Primeiro carro da marca oferecido com esse tipo de propulsor no Brasil, o Toyota RAV4 abre caminho para que os demais híbridos da marca, o sedan Corolla, e o SUV Corolla Cross, sigam entre os mais emplacados do país em seus respectivos segmentos.

A principal diferença entre o RAV4 XSE Plug-in Hybrid e os outros modelos eletrificados da Toyota disponíveis para o consumidor brasileiro é que o SUV médio é um PHEV, enquanto o Corolla e o Corolla Cross são da família dos HEVs.

Continua após a publicidade

O powertrain do Toyota RAV4 XSE Plug-in Hybrid é formado por um motor 2.5 aspirado, que entrega 185 cv de potência e 22,3 kgf/m de torque, e outros dois propulsores elétricos, instalados um em cada eixo — 182 cv no dianteiro e 54 cv no traseiro. Juntos, eles entregam 306 cv de potência combinada ao motorista.

Autonomia do novo Toyota RAV4 é absurda

Além das boas configurações de powertrain, o Toyota RAV4 XSE, primeiro híbrido plug-in da marca a ser comercializado no Brasil, também tem na autonomia prometida uma arma importante para tentar rivalizar com os líderes do segmento, em especial os chineses BYD Song Plus DM-i e GWM Haval H6.

A bateria do SUV médio é de 18,1 kWh, com capacidade suficiente para oferecer até 55 quilômetros de alcance por carga exclusivamente no modo elétrico. O que impressiona, porém, é a autonomia obtida no modo combinado.

De acordo com os números oficiais divulgados pela Toyota, o RAV4 XSE Plug-in Hybrid pode rodar, em média, 35 km/l na cidade, número que o colocaria na lista dos 10 eletrificados mais econômicos e eficientes do Brasil em 2024.

O tempo de recarga também promete ser um atrativo para quem ainda não se convenceu em trocar o carro a combustão por um eletrificado. Segundo a Toyota, são necessárias apenas 2h30 para uma carga completa do sistema, graças ao Wallbox de 7,4 kWh que a marca cede gratuitamente a quem comprar o carro.

Continua após a publicidade

O lado negativo da eficiência energética é que o RAV4 Hybrid, por conta das baterias, tem um porta-malas menor que a versão normal. O novo modelo conta com 490 litros no bagageiro, contra 580 litros do “irmão”.

Quanto custa o Toyota RAV4 Plug-in Hybrid?

O novo Toyota RAV4 Plug-in Hybrid, que conta com uma boa lista de equipamentos e acessórios, com direito a pacote ADAS com alerta de saída de faixa, câmera de reconhecimento frontal e faróis automáticos, será oferecido em 5 cores diferentes: Branco Lunar, Prata Metálico, Cinza, Azul Topázio e Vermelho Emoção, todos com teto na cor preta.

Quem quiser conhecer o novo SUV híbrido plug-in do mercado brasileiro, já pode comparecer aos concessionários da Toyota. O preço do RAV4 Plug-in Hybrid é único: R$ 399.990.

Continua após a publicidade