Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Nova bateria da BYD promete autonomia absurda

Por| Editado por Jones Oliveira | 18 de Abril de 2024 às 16h25

Link copiado!

Divulgação/BYD
Divulgação/BYD

Depois de anunciar que está trabalhando em uma nova geração do sistema DM-i, que pode ampliar o alcance dos carros híbridos da marca para até 2.000 km, a BYD revelou que pretende fazer algo semelhante com os elétricos puros e, assim, dar a eles baterias com uma autonomia absurda.

De acordo com a marca chinesa, a FinDreams, empresa responsável pelo desenvolvimento da nova geração de baterias da BYD, lançará, ainda em 2024, a nova geração da Blade, com alcance estimado de até 1.000 km por ciclo de carga.

Para conseguir rodar essa distância sem precisar de recarga, o segredo está na densidade que o conjunto de baterias poderá oferecer. A ideia da BYD é passar dos atuais 150 Wh/kg para até 190 Wh/kg

Continua após a publicidade

O site CarNewsChina conversou com Wang Chuanfu, presidente da BYD. Segundo o executivo, as melhorias não se restringem ao alcance em quilometragem, mas também na velocidade de carregamento, que promete ser sensivelmente maior, no tamanho da peça e, principalmente, na segurança, marca registrada da Blade.

Nova bateria pode ser mais barata e duradoura

A nova geração das baterias Blade deve deixar de ser produzida com níquel, cobalto e manganês para utilizar fosfato de ferro-lítio. Isso significa que elas serão até 30% menos densas e, portanto, mais baratas.

O tempo de vida útil também deve aumentar bastante. A BYD projeta que a nova geração das baterias Blade poderá aguentar até 5.000 ciclos de carga e recarga. Toda essa evolução, segundo a marca, tornará o carro elétrico ainda mais acessível para o consumidor final, pois a empresa reduzirá os gastos com a produção dos acessórios.

Fonte: CarNewsChina