Hyundai quer parar de fazer carros a combustão até 2040

Hyundai quer parar de fazer carros a combustão até 2040

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 31 de Maio de 2021 às 15h10
Matheus Argentoni/ Canaltech

A Hyundai também quer apostar todas as suas fichas em carros com zero emissão de poluentes e já começa a trabalhar com metas mais palpáveis. Segundo publicação veiculada na Reuters, a gigante sul-coreana quer eliminar todos os veículos a combustão até 2040, sendo que, para os próximos anos, a tendência é de que sua linha de produtos seja composta por 50% de carros elétricos ou a hidrogênio.

A agência colheu informações com fontes internas na Hyundai, que confirmaram os planos da montadora para as próximas temporadas. Além de aumentar a oferta de carros elétricos pelos próximos anos, a empresa tem ciência de que, em mercados emergentes como o Brasil, a estratégia deve ser um pouco diferente. Para isso, ela também vai investir em motores a combustão mais eficientes, além de trazer carros elétricos e híbridos.

Vale lembrar que, no final de 2020, a Hyundai apresentou sua nova plataforma para carros elétricos, a E-GMP, que será utilizada por outras marcas do grupo, como a Kia. Esse composto será capaz de, inclusive, receber projetos de veículos autônomos e de alta tecnologia. Uma das empresas que esteve de olho, por exemplo, foi a Apple, que chegou a firmar acordo com os sul-coreanos para a produção do Apple Car, mas o negócio foi desfeito.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A decisão da Hyundai vai de encontro aos planos de outras montadoras presentes na Europa e China, como a Ford, Volkswagen e Volvo, que já anunciaram que farão apenas carros elétricos nesses mercados até 2030. A Stellantis (Fiat, Peugeot, Jeep, Chrysler, RAM, Ferrari) já avisou que não irá mais desenvolver motores a combustão nos próximos anos, mesmo tendo acabado de anunciar dois novos propulsores desenvolvidos aqui no Brasil: as versões turbinadas do 1.0 e 1.3 FireFly, mais modernos e menos poluentes.

Atualmente a Hyundai não trabalha com nenhum veículo eletrificado no Brasil.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.