Fiat é notificada pelo Procon-SP após aumento de preço do Pulse

Fiat é notificada pelo Procon-SP após aumento de preço do Pulse

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 10 de Janeiro de 2022 às 21h15
Divulgação/Fiat

O Procon-SP notificou a Fiat devido ao aumento repentino do preço do Fiat Pulse mesmo antes de uma série de unidades ainda não ter sido entregue a compradores da pré-venda. A montadora terá que explicar, por exemplo, se o acréscimo nos valores em todas as versões será retroativo, ou se os clientes pagarão o que foi acordado no ato da reserva.

Quando lançado em outubro de 2021, o Fiat Pulse partia de R$ 79.990 em sua versão de entrada com motor 1.3 aspirado e ia até R$ 115.990 na variante Impetus Turbo 200, com o novo motor turboflex de 130cv e câmbio CVT. Logo depois o anúncio, os preços foram aumentados, gerando o questionamento do Procon-SP.

Veja abaixo os preços do Fiat Pulse:

Versão Preço Original Preço Novo
Pulse Drive MT 1.3 R$ 79.990 R$ 86.657
Pulse Drive AT 1.3 R$ 89.990 R$ 96.975
Pulse Drive Turbo 200 AT R$ 98.990 R$ 105.243
Pulse Audace Turbo 200 AT R$ 107.990 R$ 109.990
Pulse Impetus Turbo 200 AT R$ 115.990 R$ 119.990

Vale lembrar que, devido à alta demanda e problemas com a produção do SUV por conta da falta de semicondutores, a Fiat atrasou boa parte das entregas do Pulse feitas em pré-venda. Atualmente, existe fila de espera em algumas concessionárias para a aquisição do automóvel.

O Fiat Pulse 1.3 está praticamente esgotado nas concessionárias da Fiat (Imagem: Divulgação/Stellantis)

O Canaltech consultou a Fiat sobre esse tema e, tão logo receba a resposta, vai atualizar a matéria.

O Fiat Pulse

O Fiat Pulse é o principal lançamento da Fiat em 2021. O primeiro SUV da montadora fabricado no Brasil teve seu desenvolvimento totalmente realizado no Polo de Betim (MG), principal sítio produtivo do Grupo Stellantis por aqui.

Entre as novidades trazidas pelo carro, está o motor 1.0 turbo mais potente do mercado, com 130 cv e 21,4 kgf/m de torque, além de todo o pacote de tecnologia e segurança, que contém Wi-Fi com 4G nativo, assistentes virtuais, comandos remotos pelo celular, frenagem automática de emergência e um sistema de pagamentos online feito diretamente pelo automóvel.

No caso da versão 1.3, que ostenta 107 cv e 13,7 kgf/m de torque, ela pode ser adquirida com duas opções de transmissão: a automática CVT (a mesma da 1.0 turbo) ou manual de cinco velocidades.

De série, esse carro conta com central multimídia de 8,4 polegadas, direção elétrica, ar condicionado digital, quatro airbags, controles de estabilidade e tração, hill-holder, conjunto óptico full-LED, distribuição eletrônica de frenagem, rodas de liga-leve, câmera de ré, entre outros itens.

Fonte: Motor1

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.