Ferrari 296 GTS | Híbrido de 830cv amplia linha eletrificada dos italianos

Ferrari 296 GTS | Híbrido de 830cv amplia linha eletrificada dos italianos

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 27 de Abril de 2022 às 10h45
Divulgação/ Ferrari

A Ferrari expandiu sua linha de eletrificados e agora apresentou um dos seus carros mais interessantes: a Ferrari 296 GTS, superesportivo híbrido plug-in que chega para conquistar os fãs da marca e fazer companhia a modelos como a SF90 Stradale e SF90 Spider.

Diferentemente do que acontece nos modelos citados, a Ferrari 296 GTS une o motor elétrico ao ótimo V6 tradicional da montadora somente com funcionamento no eixo traseiro, enquanto as demais lançam a força do propulsor zero emissão também no dianteiro. Para isso acontecer, a empresa precisou modificar a engenharia, mas sem perder a diversão.

A Ferrari 296 GTS também é conversível, garantindo ainda mais estilo (Imagem: Divulgação/Ferrari)

O números falam por si: o motor 2.9 V6 a gasolina despeja 663cv, enquanto o propulsor elétrico é munido de 167cv, totalizando excelentes 830cv, com torque máximo de 75,4 kgf/m, suficientes para fazer esse esportivo chegar aos 100 km/h em apenas 2,9 segundos. O câmbio é automatizado de dupla embreagem com oito marchas e a velocidade máxima de 330 km/h.

Para chegar nesse desempenho parecido com o da SF90 Spider, mas com menos potência, a Ferrari afirma que fez modificações aerodinâmicas e no funcionamento dos motores, localizados na traseira. Há melhorias nos freios e também no sistema de resfriamento do carro para otimimzar o desempenho.

Segundo a Ferrari, é possível trafegar por até 25km a até 135 km/h somente no modo elétrico. Há, também, outros modos de condução, como o "híbrido" e o "esportivo", além de outro que privilegia o carregamento da bateria. A montadora não revelou os dados de consumo quando ambos os motores são usados.

O luxuoso interior da Ferrari 296 GTS (Imagem: Divulgação/Ferrari)

Interior requintado e digital

A Ferrari 296 GTS não é um espetáculo apenas em desempenho e design. Seu interior traz um acabamento luxuoso e, como a própria Ferrari diz, "digital", já que tem uma tela enorme com cluster e central multimídia interligados.

Os bancos, portas e painel, por sua vez, possuem couro italiano em abundância. O carro, claro, é para apenas dois ocupantes.

Ferrari 296 GTS: preço e disponibilidade

A Ferrari ainda não comentou os valores que pedirá pela Ferrari 296 GTS, mas ela chegará em duas versões: a tradicional e uma um pouco mais apimentada, chamada de Assetto Fiorano.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.