Ferrari 296 GTB chega ao Brasil e está em pré-venda; Canaltech viu de perto

Ferrari 296 GTB chega ao Brasil e está em pré-venda; Canaltech viu de perto

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 30 de Junho de 2022 às 16h08
Felipe Ribeiro/ Canaltech

A Ferrari apresentou ao mercado brasileiro mais um esportivo híbrido com seu DNA: a Ferrari 296 GTB. Segundo a montadora, esse modelo foi pensado para ser divertido de guiar, mas, ao mesmo tempo, amigável e com menos emissões, já que se trata de um carro eletrificado. O bólido está em pré-venda e as entregas começam somente em dezembro.

Em solenidade que aconteceu na manhã desta quinta-feira (30) em São Paulo e que teve cobertura do Canaltech, a Ferrari deu alguns detalhes sobre a 296 GTB, tendo a ajuda da piloto profissional Bia Figueiredo para ilustrar o quão legal é esse carro, já que ela chegou a testar o bólido em uma pista na Espanha.

Esse "obra-prima", como chamou Bia, é o primeiro carro da Ferrari a contar com motor V6 depois de mais de 40 anos — a primeira foi a Dino, em 1957. O propulsor é 3.0 biturbo, com os cilindros posicionados em 120º, e que entregam 663cv. São 830cv de potência combinada junto ao motor elétrico (que tem 167cv) e 75,4 kgf/m de torque a 6250 rpm.

Fãs e entusiastas brasileiros de Ferrari já podem comprar a 296 GTB, que está em pré-venda (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Segundo Bia, mesmo com o torque total aparecendo a 6250rpm (que ainda é um giro baixo para uma Ferrari), o motor elétrico dá aquele empurrãozinho que compensaria uma teórica falta do motor V8. Os dados oficiais da montadora revelam que a 296 Gran Turismo Berlinetta vai de 0 a 100 km/h em apenas 2,9 segundos, com velocidade máxima de 330 km/h.

"Na pista nós sentimos que o motor elétrico está o tempo todo ajudando o carro e isso o tornou muito mais arisco, mesmo sendo um V6. Com todos os controles eletrônicos desligados, somente profissionais poderiam guiá-la, já que ela se torna cada vez mais arisca à medida que aceleramos e fazemos as curvas", comentou Bia, ao Canaltech.

Interior da Ferrari 296 GTB é luxuoso e "abraça" tanto o motorista quanto o passageiro (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Figueiredo ainda comentou que não é possível desligar o motor elétrico, mesmo sendo um híbrido plug-in. Ou seja, para tornar o carro "manso", o usuário terá que colocar no modo 100% elétrico, capaz de rodas 25km com uma única carga, a uma velocidade máxima de 135 km/h.

Além da 296 GTB, os híbridos da marca são a SF90 Stradale e a SF90 Spider.

Ferrari 296 GTB: Preço ainda é desconhecido

Apesar de anunciar que o carro está em pré-venda e que as entregas começam em dezembro de 2022, a Ferrari não falou quanto vai custar a Ferrari 296 GTB. A julgar pelo preço pedido na SF90 Spider, com mais de R$ 8 milhões, é possível que a GTB saia por algo na casa de R$ 7,5 mi.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.