Este é o hipercarro mais bonito do mundo, segundo especialistas em design

Este é o hipercarro mais bonito do mundo, segundo especialistas em design

Por Paulo Amaral | Editado por Jones Oliveira | 05 de Outubro de 2021 às 15h30
Divulgação/Bugatti

Apresentado ao mundo em 2020, o Bugatti Bolide tem muitas razões para ser considerado impressionante e, a partir desta terça-feira, 5 de outubro, ganhou mais uma: o prêmio de hipercarro mais bonito do mundo. A escolha foi feita por um júri de designers profissionais no 36º Festival Automobile International, realizado em Paris.

A máquina da montadora francesa arrematou o lugar mais alto do pódio, deixando para trás outros carros dos sonhos de muita gente, como o Gordon Murray T.50 e o Mercedes-AMG One, que recentemente integraram a lista dos 5 carros mais caros do mundo. O visual do hipercarro realmente impressiona, apresentando enormes aberturas no capô, para-lamas no estilo Le Mans, uma barbatana de tubarão no teto, asa traseira marcante e um conjunto de lanternas em forma de X, únicas e exclusivas do modelo.

“É uma honra para nós que o design resultante tenha recebido um prêmio tão cobiçado, votado por especialistas em nossa área. O elogio deve ir para toda a equipe de design, cada um dedicado ao seu trabalho em harmonizar e aperfeiçoar todos os aspectos do design do Bolide durante um processo inovador de quatro meses, puramente digital”, explicou o Diretor de Design da Bugatti, Achim Anscheidt.

De acordo com o executivo que liderou o projeto, a construção do hipercarro, agora oficialmente premiado, foi um dos maiores desafios que já enfrentou à frente da montadora francesa:

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

“O Bolide foi um desafio totalmente diferente para nossa equipe de design, e uma espécie de experimento mental em que desmontamos o carro de volta ao seu coração W16 quad turboalimentado e o reconstruímos com o mínimo necessário para criar o Bugatti mais extremo até então. O fundamental para nós foi respeitar os requisitos técnicos da Bolide, focando primeiro na função e só depois no desenvolvimento da forma”.

Lindo, feroz... e à venda

Imagem: Divulgação/Bugatti

A beleza do Bugatti Bolide está acompanhada, claro, de uma verdadeira máquina sob o capô. Como o próprio diretor de design citou, o hipercarro tem um motor quádruplo W16 de 8,0 litros, que a montadora afirma ser capaz de entregar impressionantes 1.825 cv e 188,5 kgfm de torque.

“Embora extremamente funcional, o Bolide está repleto da personalidade e tradição distintiva da Bugatti. Sua criação foi inspirada na filosofia peso-potência de um jovem Ettore Bugatti, que revolucionou o mundo do automobilismo na década de 1920 ao projetar carros leves e ágeis, como o Type 35, que se tornaram praticamente imbatíveis. Bolide é o ponto culminante dessa filosofia, pura em seu design e em seu propósito. Assim como aqueles pilotos do início dos anos 1920, essa pureza traz consigo uma beleza inescapável”, explicou Nils Sajonz, Chefe de Projetos Especiais de Design da Bugatti.

A boa nova para quem se apaixonou pelo mais novo vencedor do troféu de hipercarro mais bonito do mundo é que ele estará à venda. A marca francesa anunciou que fabricará 40 exemplares praticamente idênticos ao que participou do evento em Paris. A diferença estará no motor, que não será de 1.825 cv, e sim de 1.577 cv.

O preço de cada um deles, segundo comunicado oficial da marca francesa, será de 4 milhões de euros (R$ 25,2 milhões, na cotação atual), e as entregas estão previstas para 2024. E aí? Vai encomendar um?

Fonte: Bugatti, Robb Report

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.