Análise: Lumix DMC-GF5K, a semiprofissional para usuários exigentes da Panasonic

Por Pedro Cipoli

Comprar uma câmera de qualidade semiprofissional exige vários dias de pesquisas. Os usuários procuram levar a relação custo-benefício ao extremo, e o preço, puro e simples, deixa de ser a variável mais importante. Como dissemos em nosso guia de compras de câmeras digitais, existem fatores muito mais importantes do que quantidade de megapixels, especialmente quando estamos falando de modelos que passam da faixa dos R$ 2.000.

Este e o caso da Panasonic Lumix DMC-GF5K que chegou para testes aqui no Canaltech. A primeira coisa que chama a atenção é o seu tamanho. Afinal, como um modelo que, de tão compacto a ponto de ser confundido com uma point-and-shoot, pode trazer os recursos de uma semiprofissional? É isso mesmo: com dimensões capazes de fazer outros modelos parecerem desajeitados, ela não faz feio nas fotos e vídeos que capta.

Com um painel LCD touch de 3 polegadas, não tivemos nenhuma dificuldade em acessar as principais funções da câmera. Pelo menu, é possível configurar filtros e efeitos ao estilo Instagram antes mesmo de iniciar as capturas. Nele pudemos também configurar o formato de gravação dos vídeos em duas opções: AVCHD, o mesmo que vimos nos modelos GF3, ou MP4, ideal para quem deseja reproduzir o material em outros dispositivos.

Saiba mais: Quais são as diferenças entre AVI, RMVB, MKV e MP4? E como rodá-los?

A captura de áudio e bastante satisfatória para o dia a dia, mas decepciona em certas situações. Por ser estéreo e trazer a tecnologia Dolby Digital, ficamos bastante impressionados com a fidelidade sonora. É possível captar mesmo os sons mais distantes, mas quando há algum ruído de interferência, como vento. Por isso, a qualidade fica bastante prejudicada, o que torna a GF5K imprópria para gravações em ambientes externos.

Fizemos algumas capturas com as lentes LUMIX G VARIO 14-42 mm (F3.5-5.6 — Mega O.I.S.) que vêm por padrão, e ficamos bastante satisfeitos com a qualidade final tanto das fotos quanto dos vídeos. As capturas foram feitas em um lugar com bastante iluminação, onde o controle automático de ISO (que vai de 160 até 12800) fez um excelente trabalho e pudemos registrar imagens com bastante detalhes de textura e cores. Veja abaixo:

Lente 14-42 - 01
Lente 14-42 - 02

Um ponto que nos deixou um pouco decepcionados é que os videos no formato 1920 x 1080 são gravados a 30 fps (quadros por segundo — 1080i ou 1080p30) e não a 60 fps, como esperávamos de um modelo dessa categoria, mas mesmo assim o resultado tem bastante qualidade.

Embora não inclusas no modelo original, recebemos também duas lentes extras: a G VARIO 45-175 mm (zoom, f4-5,6, equivalente a uma lente de 90-350 mm em uma câmera de 35mm) e a G VARIO 7-14 mm (grande angular, F4-F22, com uma abertura máxima de 114 graus, equivalente a uma lente de 14-28 mm em uma câmera de 35mm), cada uma com sua finalidade específica. Testamos ambas individualmente para mostrar as diferenças entre uma e outra. Veja abaixo:

Lente LUMIX G VARIO 7-14 mm

Lente 7-14 - 01

Lente 7-14 - 02

Lente 7-14 - 03

Lente LUMIX G VARIO 45-175 mm

Lente 45-175 - 01

Lente 45-175 - 02

Conclusão

O modelo que recebemos para teste está disponível no Brasil por aproximadamente R$ 2.500, trazendo somente a lente LUMIX G VARIO 14-42 mm. Os outros modelos que testamos podem ser adquiridos separadamente por R$ 1.799 (LUMIX G VARIO 45-175 mm) e R$ 4.999 (LUMIX G VARIO 7-14 mm), dependendo da necessidade do usuário.

Pessoas que acima de tudo prezam por qualidade de imagem sem abandonar a relação custo-benefício encontrarão aqui uma boa opção. O modelo também é ideal para aqueles que não querem fugir tanto da zona de conforto proporcionada pelos modelos point-and-shoot, não exigindo tantas configurações extras como os modelos profissionais.

Vantagens

  • Semiprofissional que faz jus ao nome;
  • Excelente acabamento e bastante compacta para os recursos que oferece;
  • Alta qualidade tanto para tirar fotos quanto gravar vídeos.

Desvantagens

  • Pela faixa de preços e qualidade das lentes, sentimos falta da possibilidade de gravar vídeos em Full HD 1080p;
  • Gravações em ambientes externos prejudicam o áudio com o excesso de ruídos.