Microsoft adota mais uma medida para forçar adeus ao Internet Explorer

Microsoft adota mais uma medida para forçar adeus ao Internet Explorer

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 15 de Junho de 2021 às 10h55
Christiaan Colen/VisualHunt

Desde o anúncio do fim do Internet Explorer, a Microsoft tem feito o máximo para ajudar os fãs do antigo navegador a superar a perda e realizar uma migração tranquila. No entanto, mesmo com a queda de usuários em quase 50% desde o anúncio do encerramento, dados da Statcounter sugerem que o navegador ainda tem milhões de usuários ativos.

Agora, a companhia precisa adotar medidas para lidar com essas pessoas que se recusam a deixar o falecido IE. Uma delas é uma migração mais “forçada” com certos tipos de arquivos sendo abertos apenas no Edge, em vez do Internet Explorer, como as páginas em MHTML. Esse tipo de arquivo é mais usado quando as pessoas abrem e-mails do Outlook por meio do navegador.

A Microsoft quer que você deixe o Internet Explorer de lado logo (Imagem: Reprodução/Microsoft)

A alteração entrará em vigor na atualização Microsoft Edge 92, que deve chegar no mês que vem, mas só será aplicada se o IE estiver definido como programa padrão para abrir esse tipo de extensão.

Por enquanto, pode não parecer grande coisa, mas já é mais um passo da empresa para não pegar ninguém de surpresa. Com essas mudanças graduais, a gigante do software espera fazer a transição de forma mais suave, mesmo para quem ainda resiste em manter o IE, seja por apego ou por falta de conhecimento sobre novas opções.

Ações para dar adeus ao IE

A Microsoft anunciou, no ano passado, que sites não compatíveis com o navegador antigo seriam iniciados automaticamente no Edge. Milhares de sites se enquadram nessa categoria, incluindo serviços populares como o Twitter, Instagram, Google Drive e Yahoo Mail.

Não apenas algumas páginas da Web agora serão redirecionadas automaticamente para o Edge, mas o suporte a softwares e serviços compatíveis também estão sendo encerrados. Isso significa que plugins e outros complementos devem parar de funcionar muito em breve no programa finado.

Desde novembro de 2020, os usuários não podem mais fazer login em suas contas da Microsoft nem no aplicativo web do Teams por meio do Internet Explorer. A partir de 17 de agosto de 2021, nenhum aplicativo do Microsoft 365 rodará nele também. Ao optar pelo Edge, o navegador permite importar senhas, histórico, favoritos e outros recursos.

Fonte: Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.