Instagram não vai ganhar app nativo para iPad tão cedo; entenda por quê

Instagram não vai ganhar app nativo para iPad tão cedo; entenda por quê

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 13 de Setembro de 2021 às 09h59
Imagem: Josh Sorenson/Pexels

O Facebook parece não ser muito fã do iPad, mesmo após tantos anos do tablet consolidado no mercado: após começar a desenvolver um aplicativo do WhatsApp para o portátil da Apple só em 2021, a companhia afirmou não ter planos de repetir isso com o Instagram. Em seu perfil oficial, o chefe do Instagram, Adam Mosseri, disse que, embora tenha usado o iPad recentemente durante um voo, não há planos da rede social lançar uma solução exclusiva porque "há muito a fazer e poucas pessoas" para tal tarefa.

A fala do executivo está longe de ser um não definitivo, mas revela foco em outras questões mais relevantes para a equipe. Prova disso foi o recurso de postar a partir de desktops, testado desde junho e cuja funcionalidade permite o uso total da plataforma a partir do navegador. Isso, em tese, permitira aos donos de tablets utilizar a rede social na íntegra sem dificuldades — embora com limitações.

Instagram no iPad, por enquanto, só de forma improvisada (Imagem: 2dsight/Envato Elements)

A chegada do iPadOS 15 também pode ser outro fator para afastar o app dedicado, afinal ele oferecerá um modo de compatibilidade de programas do iPhone direto no tablet em modo paisagem. Obviamente que devem ocorrer falhas visuais ao esticar a imagem, mas alguns ajustes ainda devem ser realizados pelos desenvolvedores para contornar esses bugs.

Desde 2010, quando o iPad ainda era novidade, a Apple tenta levar até ele a biblioteca do iPhone, mas nunca teve sucesso pleno. Os desenvolvedores das companhias acabaram por produzir versões nativas para evitar problemas de compatibilidade e entregar uma experiência positiva para o usuário.

Foco em telefones

Embora o Facebook e o Messenger tenham aplicativos próprios, as empresas subsidiárias seguiram rumos diferentes e preferiram focar nos telefones apenas. Há aplicações para criar vídeos — o Boomerang, para gravações em loop é um exemplo — ou realizar outras funções de modo adaptado no iPad, mas nenhuma delas substitui a experiência original, obviamente.

Enquanto o iPadOS 15 não chega, o jeito é se contentar com o Instagram adaptado na vertical (Imagem: La Manzana Mordida/YouTube)

No início, o Instagram era apenas um aplicativo para tirar fotos e aplicar filtros, mas o seu sucesso instantâneo fez com que fosse ajustado para ser uma rede social. O sucesso foi tamanho que chamou a atenção das rivais: o Facebook comprou a plataforma por US$ 1 bilhão, considerado na época um dos maiores negócios de todos os tempos. Embora a quantia pareça elevada demais, vale lembrar que o valor de mercado atual do Instagram é estimado em cerca de US$ 100 bilhões.

Após anos de reinado absoluto, o app agora se vê ameaçado pelo TikTok e a moda dos vídeos curtos, tanto que a plataforma até lançou seu próprio serviço, chamado Reels. Ter uma versão própria para o iPad poderia ser uma estratégia para tentar ampliar o público da rede, mas a equipe prefere focar em novos recursos. O jeito é aguardar para ver e torcer para que, algum dia, o Instagram chegue nativamente ao tablet da Apple.

Fonte: PhoneArena  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.