Google vai parar rastrear usuários em apps para se adequar às regras do iOS

Google vai parar rastrear usuários em apps para se adequar às regras do iOS

Por Rubens Eishima | 28 de Janeiro de 2021 às 15h30
Rubens Eishima/Canaltech

O Google anunciou em seu blog uma série de mudanças em aplicativos e serviços para se adequar às regras de privacidade do iOS. A principal alteração é o desligamento do sistema que monitora os padrões de uso do usuário, usado para apresentar publicidade personalizada no celular.

A alteração acontece às vésperas da entrada em vigor dos novos recursos de privacidade do iOS. O sistema operacional da Apple irá apresentar uma notificação em apps que usam o sistema de rastreamento do smartphone, que obrigará o usuário a concordar ou não com a coleta de dados pelo aplicativo.

No lugar das propagandas altamente personalizadas em seus apps, o Google vai passar a exibir anúncios mais genéricos, sem poder acessar todo o histórico de uso do aparelho. A publicação da empresa sugere que ela preferiu oferecer anúncios menos eficientes a assustar os usuários com um alerta de coleta de dados.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Dias contados: Google prometeu fornecer os detalhes de privacidade (Imagem: reprodução/Apple)

A empresa se comprometeu ainda a incluir os novos selos de privacidade em seus apps oferecidos na App Store, sem anunciar um prazo para isso. Desde 8 de dezembro, a informação sobre a coleta de dados passou a ser obrigatória nos aplicativos enviados para atualização na App Store, o que a empresa evitou sem lançar novas versões deles desde a data.

Fonte: Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.