Google Fotos agora relembra jogatina com amigos antes da pandemia

Google Fotos agora relembra jogatina com amigos antes da pandemia

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 01 de Março de 2021 às 13h40

O Google Fotos adicionou mais uma coleção de fotografias organizadas por inteligência artificial na aba de destaques. Batizada de “Let’s Play” no exterior, a seleção de capturas apresentada no formato de stories apresenta os melhores registros de momentos ao lado de uma mesa de sinuca e outros populares jogos de mesa.

Durante a pandemia, as recomendações de distanciamento social reduziram ao máximo a frequência de encontros casuais entre amigos e familiares, bem como os jogos e a diversão coletiva (presencialmente, pelo menos). Dando sequência à sua abordagem de “álbum de fotos inteligente”, o Google adicionou uma nova coleção de registros selecionados por IA.

A nova coleção complementa as adições anteriores, como as recordações de momentos divertidos com crianças, mas agora focado no público mais velho e, logicamente, para provocar nostalgia dessas ocasiões tão raras em 2020. São fotos de mesas, vídeos das tacadas, as ocasiões protagonizadas por sinuca e lembranças de um tempo sem máscara ou álcool em gel em todo lugar.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

(Imagem: Reprodução/9to5 Google)

Por se tratar de uma seleção automática, não há como juntar as capturas manualmente. Ademais, o recurso não depende de atualizações por parte do usuário, sendo liberada gradativamente pelos servidores do Google.

Depois de autorizado nos servidores, a inteligência artificial continuará o trabalho de caçar as melhores fotos e vídeos do seu álbum salvo na nuvem. Assim que encontrar uma quantidade satisfatória de arquivos, ela os reunirá na aba superior para uma seção saudosa e nostálgica de momentos que ainda parecem longe de acontecer novamente. Sendo assim, fique de olho no aplicativo para conferir os registros logo quando forem reunidos.

Google Fotos: o álbum de fotos inteligente (e limitado)

O Gigante das Pesquisas cresceu com o app Google Fotos e abafou vários concorrentes ao oferecer “armazenamento irrestrito na nuvem” com arquivos compactados por algoritmos, mas sem renunciar à qualidade. Milhares de usuários se apoiaram no modelo gratuito e “infinito” para salvar fotos e manter consigo um imenso acervo de capturas — eventualmente, até instalado nativamente, em celulares mais próximos do Android original.

Entretanto, em novembro de 2020, o Google anunciou que essa proposta iria acabar: a partir de 1° de junho desse ano, todas as fotos enviadas no Google Fotos — incluindo as comprimidas em qualidade — passarão a ocupar espaço nos 15 GB de armazenamento da conta Google.

Logicamente, a novidade gerou desconforto em toda a base de usuários, mesmo que as fotografias antigas não fossem interferir no armazenamento após a data limite. O aplicativo, então, deixou de ser um álbum de fotos ilimitado, mas aposta na relevância como um aplicativo inteligente para registros.

Por isso, a plataforma aposta na exaltação de memórias, na criação de conteúdo inédito por inteligência artificial — stories, fotografias em 3D e clipes automáticos. É uma alternativa interessante para manter uma parte da sua base estabelecida de usuários, contudo, está longe de ser o ideal para preservar os melhores registros da vida.

Fonte: 9to5 Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.