Como escanear o QR Code do WhatsApp Web

Como escanear o QR Code do WhatsApp Web

Por Kris Gaiato | Editado por Bruno Salutes | 14 de Dezembro de 2021 às 15h30
Divulgação/Alfredo Rivera/Pixabay

Se você usa o computador com frequência, o mensageiro na versão para navegador pode tornar a troca de mensagens mais fluída e prática. Afinal, ao adotar a versão, o usuário concentra todas as atividades em um só dispositivo. Aliás, para habilitar o seu PC é simples e rápido: basta escanear o QR Code do WhatsApp Web com o seu celular.

Durante o processo, o usuário precisa usar o aplicativo do WhatsApp com a sua conta logada. Além disso, na versão mobile, são listados todos os aparelhos conectados à conta, bem como a data e hora da última sessão.

Como escanear o QR Code do WhatsApp Web

A função de escanear pode ser encontrada nas configurações do mensageiro. No iPhone, o menu é representado pelo ícone de engrenagem no canto inferior. Já em aparelhos com Android, no botão de três pontos no canto superior direito da tela.

1. Acesse as configurações do WhatsApp;

2. Entre as opções, selecione "Aparelhos conectados";

3. Em seguida, selecione o comando "Conectar um aparelho".

Caso seja necessário, dê permissão para que o WhatsApp acesse a câmera do seu celular.

Use a câmera do seu celular para escanear o QR Code do WhatsApp Web (Captura de tela: Kris Gaiato)

4. Feito isso, entre no site oficial do WhatsApp Web pelo computador;

5. Aponte a câmera do seu celular para o código QR que estará na página inicial;

6. Assim que o aplicativo identificar o código, o mensageiro será aberto no navegador.

É importante ressaltar que o processo é o mesmo na versão para Desktop.

Esse método, aliás, é compatível não apenas com computadores, mas também com tablets.

Leia o código e espere o programa carregar as conversas (Captura de tela: Kris Gaiato)

O que você precisa saber sobre o WhatsApp Web?

Para que o mensageiro funcione no computador ou tablet, o celular deve estar conectado à Internet e próximo ao dispositivo. Aliás, não há necessidade de ser na mesma rede: o usuário pode usar a conexão móvel no celular e o Wi-Fi no PC, por exemplo.

Há um recurso (ainda em fase beta) que permite conectar quatro aparelhos de uma única vez para uso autônomo. Desse modo, ainda que o celular esteja distante ou offline, a versão para Web não sofrerá interferências. Embora cumpra o que promete, a função chamada Múltiplos Aparelhos apresenta gargalos notáveis, como a demora para conectar à conta do usuário.

Outra informação importante sobre o WhatsApp Web é que, ao fechar a guia do navegador, a sessão continuará ativa. O usuário, portanto, deve clicar em "Desconectar" localizado no botão de três pontos na parte superior da tela.

Caso você esqueça de fazê-lo, contudo, a solução do seu problema está a alguns cliques de distância. O aplicativo exibe todas as sessões ativas (ainda que no modo Múltiplos Aparelhos) e permite encerrá-las remotamente. Para tanto, acesse a aba "Aparelhos Conectados" no menu "Configurações". Clique sobre a sessão e, depois, em "Desconectar".

Se além da segurança, você também se preocupa com a privacidade das suas conversas, saiba que elas não são armazenadas na nuvem. O que viabiliza o funcionamento do WhatsApp Web é, na verdade, o espelhamento dos conteúdos do aplicativo. Em outras palavras, isso significa que a tecnologia de criptografia ponta a ponta é aplicada em todas as versões do mensageiro.

Aliás, é devido ao espelhamento das conversas que o usuário pode acessar duas contas simultaneamente. O truque é simples: basta abrir uma guia anônima, entrar no site oficial e, com uma conta diferente, ler o QR Code do WhatsApp Web. Via de regra, para que isso dê certo, você precisa ter um outro celular com a conta secundária. Mas, se você quiser ter dois WhatsApp no mesmo celular, o Canaltech também te explica.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.