Com este app você pode “recortar” objetos do mundo real e “colar” no PC

Por Ramon de Souza | 23 de Outubro de 2020 às 21h30
Reprodução/UNIBOA (Unsplash)

Quando falamos sobre novas tecnologias, é sempre a mesma coisa: de início, só temos conceitos e experimentos que em pouco (ou em nada) agregam ao nosso cotidiano. Costuma demorar um pouco até que alguém encontre uma real utilidade para um conceito disruptivo. E eis que, no segmento de realidade aumentada, temos agora o ClipDrop, aplicativo que se prova realmente útil para o cotidiano de qualquer internauta.

O conceito do ClipDrop é simples: ele te permite “recortar” objetos do mundo real e “colá-los” no digital. Confuso? Pode parecer, mas, na prática, seu uso é simples — abra o aplicativo em seu celular, aponte a câmera para o que você quiser digitalizar (um vaso, por exemplo), capture-o e mande-o diretamente para seu desktop, podendo usar aquela figura em um editor de imagens ou como sticker, por exemplo.

O software também funciona no desktop, tendo clientes oficiais para Windows e macOS. No computador, você pode recortar quaisquer imagens e ficar tranquilo sabendo que um algoritmo de inteligência artificial removerá todo o fundo da fotografia, mantendo apenas o que estiver em primeiro pleno. Claro, o app ainda está em fase Beta e alguns bugs podem surgir, mas ele já parece eficaz o suficiente para garantir uma boa experiência de uso.

Visto que tudo o que você recorta fica salvo em um servidor na nuvem, é necessário ter uma assinatura anual para usufruir completamente de tudo o que o ClipDrop tem a oferecer. Na promoção de lançamento (válida até o dia 20 de novembro), ele custa US$ 40 (cerca de R$ 224 na cotação direta) por ano, com espaço de armazenamento ilimitado.

Fonte: ClipDrop

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.