É possível voltar ao Windows 10 depois de atualizar para o Windows 11?

É possível voltar ao Windows 10 depois de atualizar para o Windows 11?

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 30 de Novembro de 2021 às 17h24
Reprodução/Microsoft

Você instalou o Windows 11, experimentou por algum tempo e, mesmo com as novidades, quer voltar para o Win 10? Felizmente, se a atualização foi feita com o Windows Update e aconteceu há menos de dez dias, é possível fazer o downgrade de sistemas operacionais sem perder os arquivos pessoais no processo.

Desta vez, a Microsoft foi bem menos generosa quanto a janela de oportunidade para voltar ao sistema anterior sem muito trabalho — no Windows 10, quem migrava do Win 7 ou 8.1 tinha até 30 dias para desistir da atualização. A ideia, aparentemente, é evitar que os usuários abusem do mecanismo para voltar ao SO favorito, enquanto, lógico, desencoraja a prática para manter mais usuários no software novo.

Para quem não gostou do Windows 11, dá para voltar a usar o Windows 10 sem muito esforço — mas é preciso ser rápido (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Contudo, vale ressaltar que mesmo com o prazo mais curto, dá para alternar entre sistemas operacionais livremente. Confira neste artigo como voltar para o Windows 10 depois de ter atualizado para o Windows 11.

Como voltar para do Windows 11 para o Windows 10

O método mais simples para fazer o downgrade para o Windows 10 é por meio de uma ferramenta de recuperação do sistema. Quando disponível, o método pode ser encontrado em Menu Iniciar > Configurações > Sistema > Recuperação > Retomar.

Quando disponível, o botão para retornar ao sistema anterior estará clicável no menu de configurações (Captura: Igor Almenara/Canaltech)

Não é necessário conhecimento técnico profundo para executar a restauração, então fique tranquilo se você não for muito familiarizado com o Windows. Apenas se atente a cada passo e aos avisos que aparecem na tela para a "desatualização".

Vale ressaltar que alguns programas podem não sobreviver à transição, então confira se é possível para baixá-los de novo. Em todo caso, é interessante ter um backup recente salvo na nuvem ou em um dispositivo de armazenamento externo.

Passou do prazo de 10 dias? Ainda tem jeito

Se os seus problemas com o Windows 11 começaram depois do prazo de arrependimento da Microsoft, ainda dá para fazer a restauração para o Windows 10. Neste caso, porém, os arquivos pessoais não serão mantidos, tampouco os programas que estavam no computador, então um backup é indispensável.

A Ferramenta de Criação de Mídia também é de uso simples, mas não garante que os arquivos pessoais serão mantidos (Captura: Igor Almenara/Canaltech)

Para fazer a instalação do Windows 10, você pode optar pela Ferramenta de Criação de Mídia, um software oficial da MS. Com ele, o sistema pode ser tanto atualizado de forma independente, sem precisar de outros acessórios, ou também utilizando um pendrive.

Utilizá-lo é bem simples: entre no site oficial da Microsoft, faça o download da Ferramenta de Criação de Mídia e execute-a no computador. Siga as instruções que aparece na tela para iniciar a instalação do Windows 10 e tudo será prontamente resolvido.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.