PagBrasil lança método mais simples para confirmar compras online no débito

PagBrasil lança método mais simples para confirmar compras online no débito

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 14 de Setembro de 2021 às 22h40
PagBrasil

A fintech brasileira PagBrasil lançará neste mês o Débito Flash, uma nova experiência de pagamento para quem tem cartão de débito. A ideia da startup é oferecer um processo mais simples e intuitivo para os consumidores ao usar notificações push ou mensagens de texto SMS na conclusão de compras.

Normalmente para realizar compras online com cartão de débito, é preciso instalar no computador um módulo de segurança do internet banking do qual você é cliente. Mas é um processo considerado complexo, já que em muitos casos o cliente precisa ser redirecionado para o site do banco. A nova solução espera facilitar esse caminho.

O Débito Flash usa o 3DS2, um novo protocolo de pagamentos que elimina o redirecionamento do cliente para o internet banking. Após o checkout do carrinho virtual de compras, a validação da compra ocorre via notificação de celular do app do banco do qual o consumidor tem conta, ou em um código recebido via mensagem SMS. "Isso torna a operação mais simples para o usuário, mas se mantém extremamente segura e com reduzido risco de fraude", explica Ralf Germer, CEO e cofundador da PagBrasil.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

PagBrasil explica no site como funciona Débito Flash (Imagem: Reprodução/PagBrasil)

Segundo a startup, a experiência de compra também fica mais segura dessa forma, tanto em compras no desktop quanto no celular. É que o consumidor não precisa deixar o site da loja para efetuar o pagamento; para pagar com boleto ou Pix, por exemplo, é preciso deixar a aba da loja aberta, abrir o app do banco e fazer a transferência. A novidade também pode beneficiar os lojistas para ampliar a conversão de vendas na modalidade débito.

"É preciso entender que existem inúmeros perfis de consumidores. Enquanto o Pix conquista o coração de milhões de brasileiros, existem aqueles que não querem usar esse meio de pagamento, seja por insegurança, seja por não estarem familiarizados", diz o CEO da PagBrasil.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.