Tela do Galaxy Z Fold 3 traz nova tecnologia de "pixel redondo"

Tela do Galaxy Z Fold 3 traz nova tecnologia de "pixel redondo"

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 16 de Agosto de 2021 às 14h14
Imagem: Divulgação/Samsung

No início de junho, a Samsung patenteou uma nova tecnologia de disposição de pixels chamada de Round Diamond Pixel (Pixel de Diamante Redondo, em tradução livre). Na época, ainda não se sabia exatamente quais produtos seriam os primeiros a trazer essa novidade, porém, com o lançamento do Galaxy Z Fold 3, já foi atestado que a tela do aparelho apresenta o recurso. Os detalhes foram fornecidos pelo perfil Ice Universe no Twitter.

Mais nitidez na imagem

Como o nome sugere, a novidade consiste em "arrendondar" os pixels, o que promete ajudar não apenas a entregar maior nitidez como também a levar outras melhorias aos futuros paineis sem comprometer o consumo energético.

Pixels arredondados devem aparecer em outros dispotitivos no futuro (Imagem: Twitter/Ice Universe)

Segundo as informações do perfil, essa tecnologia permite que a tela apresente imagens mais nítidas e com maior qualidade no Galaxy Z Fold 3, mesmo que a resolução seja a mesma do Galaxy Z Fold 2. A marca não fazia uma mudança na disposição dos pixels há mais de uma década, já que a tecnologia de Diamond Pixel data do Galaxy S4, lançado em 2013.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Maior eficiência energética

A nova tela também deve trazer melhorias no aproveitamento de bateria, por conta do display batizado pela marca como Eco²OLED, que resolve um problema antigo de boa parte dos smartphones. Os displays, em geral, possuem uma camada polarizadora para evitar que reflexos vindos de fora atrapalhem a visão das informações — porém, essa camada faz com que as telas percam muito brilho, e consequentemente gastem mais energia para fornecer uma imagem satisfatória.

Segundo a Samsung, a nova tela é capaz de transmitir 33% mais luz, sem efeitos negativos no que diz respeito a reflexos. Isso implica em um consumo de energia que pode ser economizado em até 25%, o que simboliza o primeiro "Eco" do nome Eco²OLED.

O segundo "Eco" refere-se ao uso de menos partes plásticas na composição da tela, tornando-a mais ecológica, algo que faz parte do programa Galaxy for the Planet de sustentabilidade anunciado no evento Galaxy Unpacked do último dia 11 de agosto.

Eco²OLED dispensa a camada polarizadora (Imagem: Divulgação/Samsung)

Novidade deve chegar a outros dispositivos 

Desde que foi patenteada, a tecnologia Round Diamond Pixel já era esperada para estrear nos dobráveis da marca, e com a possibilidade de, no futuro, aparecer em outros dispositivos. A patente foi registrada no Órgão de Propriedade Intelectual da Europa (OUIPO), já citando TVs, monitores, notebooks e tablets.

Patente divulgada em junho (Imagem: LetsGoDigital)

A princípio não existem informações concretas que especificam quais são os próximos produtos a serem lançados com a nova organização de pixels, mas é bom lembrar que vários lançamentos devem acontecer no início de 2022 em diferentes divisões da marca, incluindo novas TVs e smartphones premium.

Fonte: Ice Universe, GSM Arena

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.