Samsung pode incluir sensor de pressão arterial no Galaxy Z Fold 3

Samsung pode incluir sensor de pressão arterial no Galaxy Z Fold 3

Por Felipe Junqueira | Editado por Wallace Moté | 27 de Abril de 2021 às 08h45
Divulgação/Samsung

A Samsung pode incluir um medidor de pressão arterial no Galaxy Z Fold 3, em um sensor que pode verificar diversos outros parâmetros de saúde do usuário de maneira simples e com boa precisão. Ao menos é o que aponta uma patente requerida pela companhia, que usa um celular dobrável que vira tablet como exemplo ilustrativo do funcionamento da tecnologia.

De acordo com a patente, encontrada pelo site LetsGoDigital, uma tecnologia que pode ser implementada pela Samsung em seus próximos dobráveis — não apenas no Galaxy Z Fold 3, como também no sucessor do Galaxy Z Flip — seria capaz de medir, além da pressão arterial, a idade vascular, níveis de estresse e fadiga e várias outras informações sobre a circulação do sangue no corpo. E tudo isso com um sistema simples de leitura do dedo na tela.

O mecanismo é bem simples, mas não é tão fácil de descrever. Consiste em uma dupla de sensores de imagem embutidos abaixo da tela flexível, na parte inferior do display. Quando o usuário coloca o dedo em ambos os sensores ao mesmo tempo, ele faz uma leitura que converte a intensidade dos pixels em amplitude de onda de pulso, e então reúne as informações de saúde por um modelo de conversão de amplitude.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Traduzindo a parte técnica, o sensor faz uma leitura da intensidade do seu dedo para analisar a pressão arterial do seu corpo. Para melhorar a precisão, o algoritmo calcula informações externas como seu peso, tamanho, temperatura e umidade do ar, entre outros fatores. Se necessário, o dispositivo pode pedir para mover o dedo e aumentar ou diminuir a intensidade da pressão feita no sensor. O resultado é exibido na tela.

Patente descreve vários métodos para monitorar pressão arterial com smartphone dobrável (Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

Saúde no bolso

Outra opção da Samsung, também descrita na patente, é utilizar sensores na parte externa do dispositivo, de modo que a medição seja feita ao tocar a palma da mão. Ou mesmo ao segurar o dispositivo com ambas as mãos, o que permitiria uma medição mais precisa por meio da velocidade da onda de pulso.

A tendência é que os celulares sejam capazes de acompanhar cada vez mais quesitos de saúde do usuário, indo além dos recursos já comuns atualmente como contador de passos e monitor de sono. As fabricantes já incluem vários recursos também em smartwatches, que possuem a vantagem de ficar mais tempo próximo do corpo, mas ainda não conquistaram tantos usuários quanto os celulares.

A patente do medidor de pressão arterial em um smartphone dobrável foi requerida pela Samsung em abril de 2020, sob o título ‘Dispositivo eletrônico dobrável e método de estimativa de bioinformação usando o mesmo’ tanto no Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos quanto na Organização Mundial de Propriedade Intelectual. O documento foi publicado em 25 de março de 2021.

Não custa observar que o registro da patente e a descrição da tecnologia não são nenuhma garantia de que a Samsung vai lançar um smartphone dobrável com tal funcionalidade. Não há informação oficial da companhia sobre o assunto até o momento.

Fonte: LetsGoDigital

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.