Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+

Por Adriano Ponte | 07 de Agosto de 2019 às 17h00
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Galaxy Note 10+

Ficha técnica

Depois de tantos vazamentos, chegou o dia do lançamento oficial da linha Note 10. O evento ocorreu em Nova York, nos Estados Unidos, e confirmou 99% do que era esperado para a data. Nesta quarta (7), a Samsung oficializou tanto o Galaxy Note 10 quanto o Galaxy Note 10+ como seus novos topos de linha para arrematar 2019.

Os novos aparelhos chegam no momento em que a Samsung comemora 50 anos de empresa e 10 anos da linha "Samsung Galaxy". Ambos os modelos chegam com melhorias na S Pen, a caneta Stylus, que caracteriza a linha Note (e que segue incorporada ao chassi do aparelho). A escrita na tela foi melhorada para reconhecimento de escrita mais amplo e, ao mesmo tempo, manteve o suporte à função Bluetooth, integrada na variante do ano passado.

Vale notar ainda que a S Pen possui agora uma bateria de lítio incorporada, oferecendo até 10 horas de autonomia para uso contínuo. Por último, mas não menos importante, a nova versão da caneta passa a suportar controle por gestos, graças ao giroscópio embutido.

Galaxy Note 10: vídeo hands-on

Galaxy Note 10: tela com AMOLED dinâmico e câmeras

A principal diferença entre os dois modelos deste ano está no tamanho das telas e, proporcionalmente, no das baterias. A variante menor tem 6,3 polegadas de tela, e a maior 6,8 polegadas, ambas utilizam o AMOLED dinâmico da Samsung que, basicamente, significa uma tela de alta qualidade, com suporte HDR 10+.

Os dois modelos têm um buraco na parte frontal do display para abrigar a câmera de selfies, que possui 10MP. Não foi dessa vez que a Samsung ocultou de vez a lente frontal. Falando em câmeras, podemos dizer que estas seguem a fórmula do Galaxy S10, aplicando um trio com 12MP/12MP/16MP.

O que é realmente diferente é que agora se pode usar a S Pen em conjunto com o recurso de realidade aumentada e 3D na câmera. Chamado de AR Doodle, a função faz uso da S Pen para personalizar fotos com desenhos dinâmicos, efeitos e animações que acompanham a imagem. As edições dessas capturas no Note 10 contam com um software nativo de edição, que está mais maduro e elaborado.

Nesse caminho de mais maturidade, temos também a melhoria da captura de áudio nos vídeos produzidos com o aparelho, que agora conta com a função "Audio Zoom". Na prática, isso prioriza o áudio do microfone correto de acordo com o "zoom" aplicado na imagem (capturando com mais nitidez o áudio de longa distância ou curta, dependendo da proposta do vídeo que está sendo criado).

Galaxy Note 10: sem entrada P2 

Uma tendência natural e óbvia, mas que a Samsung infelizmente confirma e traz de forma definitiva para seus dispositivos com a remoção da entrada para os fones de ouvido na linha Note.

Isso significa que topo de linha mais prestigiado da Samsung no ano (depois do Galaxy S) precisa agora de adaptadores USB-C para fones tradicionais, ficando como opção prática partir para modelos sem fio.

Na caixa do Note 10, um fone USB-C acompanha o aparelho.

Galaxy Note 10: performance de S10

Em comparação ao Note 9, o Note 10 chega com desempenho de CPU 33% superior, e GPU 42% mais poderosa. Como esperado, temos processadores distintos para cada modelo.

A refrigeração "líquida" está presente nos Note 10 para gaming e trabalho intenso do chip, utilizando uma "câmara de vapor" interna como esperado. Em termos de "S10" versus "Note 10", virtualmente nada consideravelmente muda em relação aos chipsets.

Segundo a Samsung, a diferença entre chips Exynos/Snapdragon não impacta o usuário final, sendo a escolha da fabricante de quais mercados receberão quais chips baseada na necessidade de compatibilidade com redes móveis antigas.

Vale pontuar que existirão modelos 5G dos Note 10; porém, apenas mercados selecionados contarão com estes aparelhos habilitados para as "redes de nova geração". A Coreia do Sul é um bom exemplo.

Galaxy Note 10: Link to Windows e DeX estão aqui

Numa parceria mais próxima com a Microsoft, a Samsung trouxe uma solução nativa para uma coisa que tantos programas externos fazem: espelhar tela, notificações e conteúdo do aparelho (especificamente os Note 10) diretamente no computador.

Isso não permite que você controle remotamente o Note 10 pelo seu computador Windows, porém, adiciona uma facilidade nativa. Essa ajuda faz sentido, visto que a proposta do Note 10 é operar melhor com computadores de forma geral, afinal, o modo DeX pode ser utilizado via USB diretamente num notebook ou computador de mesa comum.

Explicando melhor: o Galaxy Note 10 deixa de obrigar o usuário a utilizar um HDMI para aproveitar o DeX e pode fazer a mesma coisa pelo PC ou MAC, aproveitando o que existe de mais prático no Android sem emuladores.

Galaxy Note 10: mudança de público

Inicialmente, a linha Note era pensada no público corporativo, mas as campanhas que serão veiculadas para o lançamento do Galaxy Note 10 deixam claro que isso não reflete mais a realidade. O aparelho hoje une recursos mais "jovens" e imediatos de criação e edição de conteúdo totalmente mobile, atendendo o público usual da linha Note, mas também abrindo espaço para adquirir "criadores/influencers". A Sony está fazendo o mesmo.

Segundo os dados internos da empresa, 73% do público comprador de Galaxy Note 9 foi composto por usuários da própria linha Note, sendo que 34% desse público possui idade entre 25 e 34 anos. A maioria desses usuários vê necessidade na utilização da S Pen em conjunto com o smartphone, justificando o nicho focado em permanecer na linha.

Galaxy Note 10: ficha técnica

  • Tela AMOLED dinâmico de 6.3" (FullHD) 19:9;
  • Câmera traseira tripla de 12MP/12MP/16MP (frontal de 10MP);
  • Processador Exynos 9825 (Brasil) e Snapdragon 855 para mercados específicos;
  • 8GB de RAM;
  • 256 GB de armazenameto interno (sem microSD);
  • Leitor de impressões digitais integrado na tela;
  • Carregamento rápido de 25W;
  • Compartilhamento de energia sem fio;
  • Bateria de 3.500 mAh;
  • Chega nas cores Aura Glow, White, Black, Pink, Red.

Samsung Galaxy Note 10+

  • Tela AMOLED dinâmico de 6.8" (QuadHD) 19:9;
  • Câmera traseira tripla de 12MP/12MP/16MP (frontal de 10MP);
  • Processador Exynos 9825 (Brasil) e Snapdragon 855 para mercados específicos;
  • 12GB de RAM;
  • 256/512 de armazenamento interno + microSD*;
  • Leitor de impressões digitais integrado na tela;
  • Carregamento rápido opcional de 45W (com carregador de 25W incluso na caixa);
  • Compartilhamento de energia sem fio;
  • Bateria de 4.300 mAh;
  • Chega nas cores Aura Glow, White, Black, Blue.

*Vale notar que o modelo 5G Coreano do Note 10+ contará com 1TB de armazenamento interno.

Galaxy Note 10: preço e disponibilidade

O Galaxy Note 10 será vendido a partir de 949 dólares (aproximadamente R$3.767,59, sem impostos ou taxas). A versão com suporte para 5G do Note 10 custará 1.049 dólares (R$4164,60). Já o Galaxy Note 10+, começa por 1.099 dólares (R$4.363,10) na versão LTE, e 1.299 (R$5.157,12) na variante 5G.

A assessoria de imprensa da fabricante no Brasil já informou à nossa equipe que ainda não existe uma data para a chegada dos novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ ao mercado nacional. Logo, o preço também não é conhecido.

E aí, o que você achou do Galaxy Note 10 e Note 10+?

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Galaxy Note 10+

  • Carrefour
    Smartphone Samsung Galaxy Note 10 256Gb Preto 4G Tela 6.3" Câmera Tripla 16Mp Selfie 10Mp Android 9.0
    R$ 3.199,00
  • Casas Bahia
    Smartphone Samsung Galaxy Note10 Preto 256GB, 8GB RAM, Tela Infinita de 6.3", Câmera Tripla, Caneta S-Pen, IP68, Dual Chip, Leitor de Digital na Tela
    R$ 3.343,12
  • Extra
    Smartphone Samsung Galaxy Note10 Preto 256GB, 8GB RAM, Tela Infinita de 6.3", Câmera Tripla, Caneta S-Pen, IP68, Dual Chip, Leitor de Digital na Tela
    R$ 3.343,12