Samsung e Huawei dominam o mercado global de 5G no começo de 2020

Por Rubens Eishima | 29 de Abril de 2020 às 09h00
SatteliteToday

Mesmo com a pandemia da COVID-19, o mercado de celulares 5G apresentou um forte crescimento no primeiro trimestre de 2020. Segundo a consultoria Strategy Analytics, o volume de remessas de aparelhos de nova geração foi de 24,1 milhões de unidades no período, maior até do que o número registrado durante todo o ano de 2019, que foi de 18,7 milhões de smartphones.

A China foi o maior mercado para os aparelhos de nova geração, mas a consultoria registrou um crescimento na demanda também em Coreia do Sul, Estados Unidos e Europa. Apesar do fraco desempenho na China, a Samsung registrou a maior participação de mercado global entre os aparelhos 5G, com a remessa de 8,3 milhões de unidades durante o primeiro trimestre deste ano.

“A Samsung tem uma forte rede de distribuição global, parcerias com operadoras e [lançou] novos aparelhos 5G no trimestre”, destacou o diretor da Strategy Analytics Ville-Petteri Ukonaho.

A Huawei, incluindo os números de sua subsidiária Honor, ficou em segundo lugar, com vendas de aparelhos 5G praticamente concentradas em sua terra natal, onde lidera. A fabricante chinesa foi responsável pela remessa de 8 milhões de unidades no período, registrando uma participação de mercado de 33,2%, contra os 34,4% da Samsung.

Marcas chinesas dominam o ranking 5G global (imagem: Strategy Analytics)

Vivo (12%), Xiaomi (10,4%) e OPPO (5%) completam o top 5 do ranking. No total, as principais marcas chinesas foram responsáveis por 61% das remessas no período.

“Isto reflete a velocidade com a qual as operadoras chinesas instalaram suas redes 5G, além da demanda por aparelhos, apesar de a pandemia da COVID-19 ter fechado grande parte da China durante o trimestre”, disse o diretor executivo da consultoria Neil Mawston. “Com a recuperação da atividade econômica na China, esperamos que as remessas [de aparelhos] 5G para este mercado continuem a expandir dramaticamente em 2020", completou o especialista.

Fonte: Strategy Analytics

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.