Redmi K40 trará autonomia de mais de 30 horas, segundo executivo da Xiaomi

Por Rubens Eishima | 18 de Janeiro de 2021 às 18h40
Divulgação/Xiaomi
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Redmi

Ficha técnica

Prestes a completar 13 meses de mercado, o Redmi K30 deve ganhar em breve um sucessor. O aguardado Redmi K40 teve uma série de teasers revelados no Weibo, popular rede social chinesa, e uma das publicações feita pelo executivo da Xiaomi Lu Weibing sugere que o aparelho trará uma autonomia de uso superior a 30 horas.

Outro executivo da empresa já havia adiantado o uso de uma bateria com capacidade superior a 4.000 mAh, além do processador topo de linha Snapdragon 888 na versão mais poderosa da linha. Thomas Wang publicou ainda que o modelo será apresentado após o festival de primavera, data conhecida no ocidente como o Ano Novo Lunar ou Ano Novo Chinês.

Print sugere autonomia competente (imagem: reprodução/Weibo)

Na publicação de Lu Weibing, marcado como tendo sido feita em um “K40Android”, o aparelho registra 64% de bateria após 10 horas e meia de uso e mostra uma estimativa de duração para até 25 horas.

Extrapolando os dados exibidos pela personalização MIUI, o Redmi K40 pode ter uma autonomia entre 30 e 39 horas, pelo menos segundo os padrões de uso não revelados do executivo chinês.

Tela "reta/direta" faz referência ao fato de não se estender até as laterais do celular (Imagem: reprodução/Weibo)

Acredita-se ainda que, além da versão equipada com o Snapdragon 888, um dos modelos da linha K40 trará o novo processador MediaTek com anúncio agendado para esta quarta-feira (20), conhecido provisoriamente como Dimensity 1200. Outra publicação de Weibing revela que o aparelho trará uma tela OLED plana — que não se estende pelas laterais do celular. Já os boatos indicam que o componente trará uma taxa de atualização de 90 ou 120 hz, seguindo a tendência dos aparelhos premium em 2020.

Caso o preço-base anunciado de 2.999 iuanes (R$ 2.440, em conversão direta) seja para o modelo equipado com o processador Snapdragon 888, a Xiaomi pode estar preparando um dos melhores celulares em termos de custo/desempenho para 2021, vamos aguardar.

Fonte: Lu Weibing

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.