Redmi 9 tem ficha técnica completa vazada em material de divulgação; confira

Por Diego Sousa | 08 de Junho de 2020 às 10h54
Reprodução/XDA-Developers
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Redmi 9

Ficha técnica

A Xiaomi deve apresentar o Redmi 9 no próximo dia 11 de junho, mas, de acordo com os inúmeros vazamentos sobre ele, não falta mais nenhuma novidade para descobrirmos. Neste final de semana, um varejista online das Filipinas "deixou escapar" o suposto material de marketing completo do novo baratinho da fabricante chinesa, confirmando uma série de especificações técnicas.

Design e tela

De acordo com o material, o Redmi 9 não seguirá o design que vimos na linha Redmi Note 9 e apostará no visual do Redmi Note 8 Pro, celular lançado no ano passado. Ou seja, haverá um conjunto de câmeras quádruplas na parte traseira, além de um flash de LED e um leitor de digitais. O módulo será destacado por um acabamento circular — que é uma característica do Redmi K30.

Visual frontal e traseiro são bem parecidos com o Redmi Note 8 Pro (Foto: Reprodução/XDA-Developers)

Ainda na parte traseira, é possível ver três opções de cores do dispositivo: roxo, verde e cinza — também é esperado uma variante azul. Já na parte da frente, o Redmi 9 apresenta uma tela de 6,53 polegadas com resolução Full HD+ (2340 x 1080 pixels) e notch em formato de gota — apesar de não estar listado, o painel deverá ser do tipo IPS LCD.

Serão 3 opções de cores (Foto: Reprodução/XDA-Developers)

Especificações técnicas

Confirmando vazamentos anteriores, o Redmi 9 será equipado com o chip Helio G80 da MediaTek. Ele é um octa-core com clock máximo de 2,0 GHz e traz uma GPU Mali-G52. Segundo o material de marketing, esse conjunto é até 214% mais potente que o Redmi 8 — este que é equipado com um chip Snapdragon 439, da Qualcomm.

Chip da MediaTek é o queridinho dos baratinhos da China (Foto: Reprodução/XDA-Developers)

Apesar de não estar mencionado no vazamento, o Redmi 9 deve chegar ao mercado com 3 ou 4 GB de memória RAM e 32 ou 64 GB de armazenamento interno.

Em relação à bateria, o dispositivo contará com 5.020 mAh, que deve oferecer até 171 horas de reprodução de música, 34 horas de chamadas, 19 horas de reprodução de vídeo e 14 horas de navegação na Web. Através da porta USB-C, também haverá suporte ao carregamento rápido e transferência de dados mais rápida.

O Redmi 9 também vai trazer entrada de 3,5 mm para fones de ouvido, microfone dedicado para cancelamento de ruído na parte superior e sensor infravermelho para controlar dispositivos inteligentes.

Câmeras

O conjunto quádruplo na parte traseira é liderado por uma câmera de 13 MP (f/2.2). Ela é seguida por uma ultrawide de 8 MP (f/2.2) que oferece 118º de ângulo de visão, uma macro de 5 MP (f/2.4) para capturar objetos bem próximos e, por fim, um sensor de profundidade com 2 MP. A câmera frontal não é especificada pelo vazamento, mas é esperado que seja de 8 MP.

Conjunto fotográfico do Redmi 9 (Foto: Reprodução/XDA-Developers)

Especificações técnicas completas do Redmi 9:

  • Tela: 6,53 polegadas, Full HD+ (2340 x 1080 pixels), IPS LCD;
  • Chipset: MediaTek Helio G80 octa-core (2,0 GHz; 2 ARM Cortex A75 + 6 ARM Cortex A55);
  • Memória RAM: 3 ou 4 GB LPDDR4x;
  • Armazenamento interno: 32 ou 64 GB eMMC 5.1;
  • Câmera traseira: 13MP + 8MP (ultrawide) + 5MP (macro) + 2MP (profundidade);
  • Câmera frontal: 8 MP;
  • Dimensões: 163,32 x 77,01 x 9,1 mm
  • Peso: 198 gramas
  • Bateria: 5.020 mAh com carregamento rápido;
  • Extras: Desbloqueio facial, sensor de digitais, IR Sensor, entrada 3,5 mm para fones;
  • Cores disponíveis: cinza, verde, roxo;
  • Sistema operacional: Android 10.

Disponibilidade e preço

A versão mais básica, com 3 GB de RAM e 32 GB de memória, deve ser lançada por US$ 139 (cerca de R$ 710 em conversão direta). Já o modelo mais potente, equipado com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento, pode chegar por US$ 149 (R$ 760). São preços realmente surpreendentes e que devem acirrar ainda mais o mercado chinês.

Vale lembrar que, antes mesmo do seu lançamento global, o Redmi 9 já passou pela Anatel e pode ser comercializado no Brasil. No entanto, não há previsão de lançamento do aparelho por aqui, já que a Xiaomi anunciou o Redmi Note 9 e 9 Pro no Brasil na última semana.

Fonte: XDA-Developers

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.