RED finalmente entrega Hydrogen One de titânio para quem o comprou na pré-venda

Por Se Hyeon Oh | 09 de Abril de 2019 às 22h50
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Hydrogen One

Ficha técnica

Em setembro do ano passado, a RED havia adiado a entrega do Hydrogen One com o corpo em titânio e enviou, aos clientes que compraram esse modelo na pré-venda, uma versão do dispositivo com o corpo em alumínio com a promessa de que eles receberiam, posteriormente, a versão de titânio sem custos adicionais. Desde então, a data de recebimento do produto em questão se manteve como uma incógnita, mas, finalmente, a fabricante de câmeras cinematográficas 3D enviou o produto final aos seus consumidores.

Para constar, o Hydrogen One foi lançado no final de 2018 por US$ 1,295 nos EUA apresentando um hardware um pouco defasado — com o chipset Snapdragon 835 e um display LED de menos de 6 polegadas. O modelo de titânio, por sua vez, dobra a capacidade de armazenamento do modelo original para 256 GB, além de um sistema modular para algumas peças.

O smartphone da RED havia criado uma grande expectativa no mercado pela promessa de entregar uma tela 3D e câmeras de qualidade. Contudo, ele foi um fracasso de vendas e não conseguiu vingar nas prateleiras, muito menos oferecer a experiência que prometida — o Gizmodo, por sinal, avaliou a sua tela como sendo um “pouquinho melhor do que um Nintendo 3DS”.

Mesmo assim, vale notar que, apesar de todos os transtornos e contratempos que a empresa enfrentou, ela cumpriu a sua promessa e conseguiu, enfim, dar aos seus compradores o smartphones de titânio que eles compraram.

Fonte: Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.