iPhone 14 poderá ter custos de produção drasticamente aumentados

iPhone 14 poderá ter custos de produção drasticamente aumentados

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 05 de Julho de 2022 às 08h39
LetsGoDigital/TechnizoConcept

Os valores necessários para a montagem do iPhone de nova geração podem ser aumentados de forma significativa. O aviso foi feito pela Showa Denko K.K., empresa fornecedora de materiais químicos para a TSMC, que por sua vez é responsável pela produção dos processadores da Apple.

iPhone 14 deverá ter preço 100 dólares mais alto (Imagem: Jon Prosser)

A companhia afirmou que uma série de desafios relacionados à indústria de semicondutores será responsável pelos aumentos. Estimativas apontam que este ramo de atividade movimenta aproximadamente 550 bilhões de dólares (cerca de R$ 2,9 trilhões em conversão direta), mas vem sofrendo por conta de dificuldades logísticas causadas pela pandemia de covid-19, entre outros fatores.

Além da crise sanitária global, situações locais também fazem com que o panorama seja agravado. A guerra na Ucrânia é apontada como um agente relevante, assim como a desvalorização do iene japonês.

Os valores cobrados para as empresas contratantes teriam chegado ao dobro do que foi pedido no momento de formação dos acordos. Portanto, estas fornecedoras precisam utilizar do seu poder de convencimento para continuar trabalhando com as produtoras de chips.

De acordo com o CFO da empresa Hideki Somemiya, a conjuntura não deve mudar antes de 2023. Até lá, espera-se que a Showa Denko continue aumentando preços e cortando linhas de produção que não geram lucro.

iPhone pode ficar mais caro

Linha deverá contar com quatro modelos (Imagem: LetsGoDigital/TechnizoConcept)

A consequência direta dos aumentos já é sentida pelo consumidor final. Recentemente, o preço de alguns modelos de iPhone e iPad subiu cerca de 20% no Japão, e é possível que a tendência seja seguida em outros mercados — especialmente aqueles com moedas em tendência de desvalorização.

Rumores recentes apontam que a linha iPhone 14 poderá ter um aumento de 100 dólares (~R$ 532) em cada modelo quando comparados com a geração anterior. Portanto, o iPhone 14 Pro Max, modelo mais avançado da família, poderá sair por até 1.699 dólares (~R$ 9.054) em sua versão com 1 TB de armazenamento interno.

Fonte: Bloomberg

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.