Apple ainda trabalha em iMac Pro com chip M3, mas lançamento vai demorar

Apple ainda trabalha em iMac Pro com chip M3, mas lançamento vai demorar

Por Victor Carvalho | Editado por Wallace Moté | 04 de Julho de 2022 às 17h05
N. Tho. Duc/Unsplash

Ainda é apenas uma questão de tempo até que a Apple enfim apresente o aguardado iMac Pro, versão mais poderosa do iMac voltada para usuários que buscam hardware avançado para trabalhos mais exigentes, como complexa edição de vídeo, renderização 3D e mais, sem abrir mão de um único corpo integrado. Mas seu lançamento ainda deve demorar.

Em sua mais nova edição da coluna semanal Power On, o jornalista Mark Gurman do Bloomberg revela que o iMac Pro deve estrear com "uma variação do chip M3", mas este processador deve ser apresentado apenas no fim de 2023 ou a partir de 2024.

Com objetivo de ampliar série de Macs com chips próprios, Apple desenvolve novo iMac Pro para profissionais (Imagem: Reprodução/Apple)

Gurman acredita que "a Apple está trabalhando em um iMac com tela maior voltado para o mercado profissional. Eu imagino que ele vai usar uma variação do chip M3, como o M3 Pro e M3 Max. Isso iria combinar com os chips dentro do MacBook Pro", que atualmente as versões mais potentes são equipadas com chip M1 Pro e M1 Max.

O jornalista ainda acredita que a chegada do iMac Pro deve atrair consumidores que não buscam a combinação de Mac Studio ou Mac Mini com o monitor Studio Display, visto que o computador entregaria display premium superior e hardware de ponta em um único pacote.

Apple Silicon pode aderir ao ciclo de 1 ano e meio

Chip M2 foi lançado pela Apple um ano e meio após estreia do M1, sugerindo o ciclo de atualização para próxima geração (Imagem: Reprodução/Apple)

Como dito, quem espera um iMac Pro deve aguardar sentado. A Apple lançou o primeiro M1 como chipset proprietário no fim de 2020, com as versões mais potentes M1 Pro e M1 Max sendo introduzidas no fim de 2021 e o M1 Ultra chegando no início de 2022.

Em junho de 2022 a empresa lançou o chip M2 como sucessor direto do M1, o que implica que a empresa pode ter como objetivo atualizar a linha de processadores a cada um ano e meio.

Caso seja este o plano, o chip M3 pode ser anunciado apenas no fim de 2023, com as versões M3 Pro e M3 Max chegando no decorrer de 2024.

Com iMac Pro, Apple atrairia consumidores que buscam hardware integrado, diferente do Mac Studio e monitor Studio Display (acima) separados (Imagem: Reprodução/The Verge)

Previsões indicam que a Apple deve lançar em setembro deste ano novos modelos de MacBook Pro e Mac Mini com processadores M2 Pro e M2 Max, além de uma versão atualizada do iMac de 24 polegadas com chip M2.

A empresa ainda levará o chip M2 ao próximo iPad Air, enquanto há possibilidade para o iPad Pro ganhar o chip M2 Pro como objetivo de se distanciar da versão mais barata e entregar maior desempenho.

Novidades relacionadas à futura linha de processadores Apple Silicon devem surgir nos próximos meses.

Fonte: Bloomberg, via MacRumors

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.