Clone de iPhone 13 com sistema operacional da Huawei é tão triste que tem graça

Clone de iPhone 13 com sistema operacional da Huawei é tão triste que tem graça

Por Gustavo de Lima Inacio | Editado por Wallace Moté | 28 de Janeiro de 2022 às 14h10
Divulgação/Gionee

A Gionee é uma fabricante chinesa de dispositivos Android que está presente no mercado há alguns anos. Agora, ela revela o Gionee 13 Pro, celular com design fortemente inspirado no iPhone 13, oficializado pela Apple no final do ano passado, e que traz sistema operacional HarmonyOS da Huawei instalado de fábrica.

Conhecida por dispositivos baratos, alguns dos seus modelos chegaram ao mercado brasileiro pela Quantum. Um exemplo claro é o Quantum Sky, que usou o Gionee A1 como base.

Em uma primeira vista, dá para perceber com clareza que o visual usa aspectos do iPhone 13, como o módulo traseiro quadrado para guardar as suas duas câmeras junto do flash de LED. Assim como o mais novo smartphone da Apple, as câmeras ficam organizadas na diagonal.

Gionee 13 Pro traz processador Unisoc embarcado (Imagem: Divulgação/Gionee)

As laterais também são planas, mas o posicionamento dos botões é diferente do smartphone da Maçã, com todos eles posicionados na lateral direita, com destaque para o de energia que tem uma coloração vermelha.

Na frente, mesmo não trazendo um sistema de autenticação biométrica facial elaborada como o Face ID, ele tem um notch de tamanho considerável onde fica apenas uma câmera frontal.

Ele tem uma porta P2 para fones de ouvido na parte superior, e embaixo tem duas grelhas, sendo uma para a saída de som e outra para o microfone. Entre elas, está a conexão USB Tipo-C.

Visual do Gionee 13 Pro é fortemente inspirado no iPhone 13 (Imagem: Divulgação/Gionee)

O Gionee 13 Pro traz uma tela de 6,26 polegadas com resolução apenas HD+ de tecnologia IPS LCD, e é equipado com um processador Unisoc T310, com 4 GB de memória RAM e 32 GB ou 128 GB de espaço para armazenamento interno. Ele traz o sistema operacional HarmonyOS, a opção da Huawei ao Android e, portanto, não conta com os serviços do Google pré-instalados.

Em câmeras, tem um sensor principal de 13 MP, junto de uma lente secundária para fotos macro de resolução não revelada. Para as selfies, ele traz uma câmera frontal de 5 MP. Sua bateria, por fim, é de 3.500 mAh, e também não teve potência de carregamento divulgada.

Preço e disponibilidade

O Gionee 13 Pro já está disponível para compra na China pelo preço de 529 yuan, que se converte em aproximadamente R$ 450 de forma direta e sem os impostos nacionais. Ele é oferecido em quatro opções de cor, que são Deep Sea Blue (azul), Glow Gold (dourado), Brilliant Purple (roxo), e Graphite Black (preto).

Gionee 13 Pro: ficha técnica

  • Tela: 6,26 polegadas, IPS LCD, HD+
  • Processador: Unisoc T310
  • Memória RAM: 4 GB
  • Armazenamento: 32 e 128 GB
  • Câmera frontal: 5 MP
  • Câmera traseira: 13 MP (principal) + macro
  • Bateria: 3.500 mAh
  • Cores: Deep Sea Blue (azul), Glow Gold (dourado), Brilliant Purple (roxo), e Graphite Black (preto)
  • Sistema operacional: HarmonyOS

Fonte: Gizmochina

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.