Analista calcula que custo de produção da 2ª geração do iPhone X seja 10% menor

Por Wagner Wakka | 21 de Março de 2018 às 18h06
photo_camera Reprodução
TUDO SOBRE

iPhone X

Analista da DigiTimes, Luke Lin, divulgou hoje uma pesquisa sobre a nova geração do iPhone X. Ele calcula que o custo de produção para esta nova leva do aparelho deva ser 10 por cento menor do que a primeira.

Lin comenta que a as informações vieram da cadeia de montagem do aparelho em uma análise baseada em dados de MBOM, sigla em inglês para lista de matérias-primas para se produzir um aparelho. Ele ainda aponta que custo de MBOM para o iPhone X original em 2017 foi de 400 dólares.

O mercado espera que a Apple solte, ainda este ano, mais três iPhones: um seria esta nova geração; outro uma versão Plus com tela de 6,5 polegadas com OLED; e um modelo realmente novo na linha.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Ainda, ele aponta que a fraca demanda pelo iPhone X significou que a Apple necessitou de menos telas OLED, que são feitas pela Samsung, e teria capacidade de barganhar por aumentar o preço do equipamento no mercado. Contudo, a Apple teria negociado e conseguido bons termos em relação a isso.

Apesar das análises, a empresa do iPhone ainda não confirmou nenhuma destas informações ou possíveis novos lançamentos. Vale lembrar que a empresa tem um evento misterioso agendando para o próximo dia 27.

Fonte: Digitimes

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.