Nova versão do BlackBerry OS adiciona suporte a instalação OTA de apps Android

Por Redação | 29 de Janeiro de 2014 às 13h20
TUDO SOBRE

BlackBerry

Que a BlackBerry está enfrentando dificuldades e tentando se reerguer há algum tempo, não é novidade alguma. Seus dispositivos, que outrora lideraram mercados, hoje sofrem com uma falta absurda de aplicativos e o desinteresse dos desenvolvedores pela plataforma é flagrante. No entanto, a nova atualização do BlackBerry OS promete solucionar esse contratempo.

Anunciada na última terça-feira (28), a versão 10.2.1 do sistema traz consigo novos recursos que, segundo a empresa, foram projetados para que o usuário "seja mais produtivo e se mantenha melhor conectado". Entre as várias mudanças, estão uma nova janela de chamadas recebidas que torna mais fácil atender a uma ligação ou responder uma mensagem, seja ela via SMS, BBM ou e-mail; um modo de "leitura offline" no navegador, que passa a armazenar páginas web para leitura posterior; monitoramento mais preciso do consumo de bateria e do impacto dos apps em uso na autonomia dela; e, o mais importante de todos, o suporte à instalação Over-the-Air (OTA) de apps Android.

Uma nova tela de chamadas e um painel de ajustes rápidos personalizável estão entre as novidades

Uma nova tela de chamadas e um painel de ajustes rápidos personalizável estão entre as novidades

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Com essa novidade, a BlackBerry começa a cobrir a carência de apps do seu sistema operacional e a oferecer a seus consumidores uma forma simples de adicioná-los a seus dispositivos.

De acordo com o ZDNet, já era possível instalar apps Android no BlackBerry, mas não sem antes executar um complexo processo de conversões e adaptações dos pacotes APK que armazenam o app. Com a versão 10.2.1, basta baixar o arquivo APK, executá-lo no dispositivo e pronto, o programa já pode ser utilizado.

A novidade, no entanto, ainda apresenta alguns poréns. Diferente do que foi prometido anteriormente, ela não integra a BlackBerry World aos apps Android e exige que os usuários procurem pelos arquivos APK para instalá-los nos dispositivos. Uma outra alternativa é fazer o backup de aplicações utilizando o App Backup and Restore no Android e então exportá-los via e-mail ou Dropbox para o BlackBerry. E vamos combinar, isso não é algo tão trivial para o usuário comum.

É difícil acreditar que as vendas do BlackBerry 10 decolarão mesmo após essa novidade. Mas com certeza ela ajudará aqueles que estavam pensando em se livrar dos seus dispositivos a permanecer com eles por pelo menos um pouco mais de tempo.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.