The Witcher vai virar série pelas mãos da Netflix

Por Redação | 17 de Maio de 2017 às 10h31
photo_camera Game Informer

Vindo do mais completo nada, a Netflix anunciou nesta quarta-feira (17) que vai produzir uma série inspirada em The Witcher, a popular franquia de livros que ganhou notoriedade mundial graças aos excelentes games desenvolvidos pela CD Projekt Red. E, como não poderia deixar de ser, a novidade fez com que os fãs fossem à loucura. E com razão.

O principal motivo de empolgação é que o autor da série, o polonês Andrzej Sapkowski, está confirmado como consultor criativo do novo seriado. Segundo a Netflix, o programa vai se inspirar nas histórias contadas nos livros e não nos jogos, mas o simples fato de termos esse universo sendo adaptado já é motivo de comemoração, ainda mais se tiver a bênção de seu criador.

Segundo a descrição oficial liberada até o momento, a história de The Witcher no serviço de streaming vai se basear nas obras literárias e contar a história do bruxo Geralt antes dos acontecimentos dos games, mostrando suas aventuras como caçador de monstros ao mesmo tempo em que se envolve com uma série de questões políticas e militares dos reinos por onde passa.

"Estou muito feliz que a Netflix fará uma adaptação das minhas histórias, mantendo o material-fonte e os temas que eu passei os últimos 30 anos escrevendo", disse Sapkowski. Além dele, a série vai contar ainda com a produção de Sean Daniels e Jason Brown, que trabalharam na série The Expanse. O estúdio polonês Platige Image também está envolvido no projeto.

Na Polônia, The Witcher já virou série de TV e o resultado é bem mais ou menos

E o envolvimento da Platige chama muito a atenção, principalmente porque essa não é a primeira vez que ela se envolve com o bruxo. O estúdio produziu vários dos trailers que serviram de divulgação para The Witcher 3: Wild Hunt, em 2015. As animações caíram rapidamente no gosto dos fãs, principalmente ao contar pequenas histórias de Geralt, o que serviu para ambientar até mesmo quem nunca teve contato com a franquia. Diante desse bom trabalho, era natural que a produtora retornasse. Também foi confirmado que Tomasz Baginski, responsável pela direção dessas animações, vai dirigir pelo menos um episódio de The Witcher.

O mais curioso, contudo, é que essa não é a primeira vez que a franquia de Andrzej Sapkowski ganha uma versão para TVs. Embora esta seja a estreia do personagem para o grande público mundial, o sucesso de The Witcher na Polônia já garantiu um filme e um seriado com 13 episódios em seu país de origem. A diferença é que, como estamos falando de algo com um orçamento bem reduzido, os efeitos e a caracterização não são lá grande coisa — algo bem diferente do que podemos esperar da Netflix.

Ainda assim, não há data para a estreia da série. Além de The Witcher, a Netflix anunciou há alguns meses que vai produzir um seriado inspirado em Castlevania, cujos detalhes são igualmente escassos.

Via: UOL