Usuários do Reddit comem carne podre para ficar chapados; especialistas alertam

Por Nathan Vieira | Editado por Luciana Zaramela | 08 de Maio de 2021 às 08h00
alex munsell/unsplash

Nos EUA, uma nova dieta peculiar tem tomado espaço nas redes sociais: as pessoas estão consumindo carne podre e fermentada em busca de um efeito de euforia e tontura.

Intitulada nos EUA como high meat (numa tradução livre, é algo como "carne chapada"), essa nova moda consiste numa carne crua que foi deixada fora da geladeira para a fermentação, um processo que usa organismos para trazer uma mudança química aos alimentos. E embora haja uma diferença entre fermentação controlada e deixar a carne apodrecer, esse processo é difícil de se acertar.

"Existe um tipo de preparação em que a carne apodrece e depois é comida. Alguns até deixam por um ano. Sem quaisquer aditivos. Feito incorretamente, o processo pode ser perigoso. Durante o processo, a carne tem que ser muito bem arejada. O sabor é viciante. mas durante o procedimento, a carne pode começar a cheirar mal. (...) A carne dá uma sensação de euforia, união e família", relatou um usuário do Reddit.

(Imagem: Jez Timms/Unsplash)

No entanto, não só de sensações de euforia vive o adepto a essa dieta. Especialistas fazem alerta para o risco de botulismo intestinal e outras doenças. De acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, doenças transmitidas por alimentos podem ser causadas por dois métodos principais: infecção ou intoxicação.

"A infecção de origem alimentar é causada pela ingestão de alimentos que contêm bactérias ou patógenos vivos; esses patógenos causam doenças à medida que crescem no trato gastrointestinal humano. Patógenos comuns de doenças transmitidas por alimentos são norovírus ou Salmonella", aponta o departamento.

"A intoxicação alimentar é causada pela ingestão de alimentos que contêm toxinas liberadas por patógenos; os próprios patógenos não causam doenças. Um exemplo comum de intoxicação alimentar é o botulismo, causado por toxinas botulínicas, não pelas bactérias que a produzem", ressalta.

Fonte: Cnet, Reddit, USDA

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.