Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Trauma na infância aumenta risco de dor crônica na vida adulta

Por| Editado por Luciana Zaramela | 26 de Dezembro de 2023 às 16h59

Link copiado!

Melissa Askew/Unsplash
Melissa Askew/Unsplash

Segundo um estudo conduzido por cientistaas da McGill University (Canadá) e publicado na European Journal of Psychotraumatology, traumas na infância — como abuso ou negligência — podem aumentar o risco de dor crônica na vida adulta. 

A ideia do estudo é levantar alerta sobre esses eventos potencialmente traumáticos que ocorrem antes dos 18 anos de idade justamente para que seja possível tomar medidas para mitigar o seu impacto a longo prazo na saúde das pessoas, algo que deve ser feito o quanto antes.

No artigo, os autores analisaram outros 85 estudos publicados ao longo de 75 anos, com 826.452 participantes expostos a várias formas de trauma infantil. Eles descobriram que o abuso (físico, sexual ou emocional) ou a negligência pode levar a 45% mais probabilidade de relatar dor crônica na idade adulta.

Continua após a publicidade

No entanto, as probabilidades de relatar dor crônica aumentaram com a exposição a vários tipos de traumas simultâneos. 

“Estes resultados são extremamente preocupantes, especialmente porque metade da população infantil global é exposta a situações traumáticas todos os anos, colocando-as em maior risco de dor crônica e incapacidade mais tarde na vida”, afirmam os pesquisadores em comunicado divulgado pela própria McGill.

“Há uma necessidade urgente de desenvolver intervenções específicas e sistemas de apoio para quebrar o ciclo de adversidade e melhorar os resultados de saúde a longo prazo para aqueles indivíduos que foram expostos a traumas infantis", completam os autores.

Saúde na infância x vida adulta

Não é a primeira vez que a ciência lança luz sobre os impactos que a saúde na infância pode gerar a longo prazo. Para se ter uma noção, abusos na infância podem levar a esclerose múltipla na vida adulta, de acordo com um artigo publicado no periódico Journal of Neurology Neurosurgery & Psychiatry.

Além disso, um estudo publicado na revista Science revelou que traumas de infância podem causar transtornos psiquiátricos em até 3 gerações.

Fonte: McGill University, European Journal of Psychotraumatology