Rússia registra primeira vacina contra COVID-19 para animais

Rússia registra primeira vacina contra COVID-19 para animais

Por Natalie Rosa | Editado por Luciana Zaramela | 31 de Março de 2021 às 16h20
bublikhaus/Freepik

A Rússia acaba de registrar a primeira vacina da COVID-19 para animais, de acordo com anúncio feito nesta quarta-feira (31). O objetivo do país com o imunizante, batizado de Carnivak-Cov, é ajudar na prevenção do possível surgimento de mutações mais perigosas do SARS-CoV-2, mas também favorecer a indústria que depende dos animais para se manter, que foi afetada por pequenos surtos.

Até o momento, alguns animais já foram diagnosticados com a doença, mas ainda não há qualquer informação concreta que prove que eles podem aumentar a disseminação do vírus para os humanos. No entanto, a imunização pode ajudar que o cenário se torne grave em algum momento.  Segundo Konstantin Savenkov, vice-chefe de vigilância agrícola da Rússia a vacina foi registrada após passar por um processo rigoroso de testes, que envolveu animais de diferentes espécies, como cães, gatos, raposas e visons. 

Imagem: Reprodução/user18526052/Freepik

Os resultados iniciais mostraram que todos os animais apresentaram anticorpos contra o coronavírus, com imunidade que pode durar, pelo menos, seis meses, e as próximas etapas dos testes vão mostrar como cada tipo de animal é afetado pela COVID-19. Empresas de países como Canadá, Estados Unidos, Polônia e Singapura já mostraram interesse pelo imunizante, que pode começar a ser fabricado ainda em abril. 

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Fonte: Forbes  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.