Não é mais conceito! Razer vai mesmo fabricar máscara gamer com luzes RGB

Por Felipe Ribeiro | 26 de Março de 2021 às 12h11
Razer

Revelado durante a CES 2021, o Project Hazel é uma máscara N95 reutilizável criada pela Razer que trouxe um conceito diferente em meio às inúmeras máscaras presentes atualmente no mercado. O item, que é indispensável para evitar a propagação do novo coronavírus (SARS-CoV-2), ganhou por meio da fabricante um conceito gamer que acabou sendo, até certo ponto, ridicularizado pelo público. Eis que a Razer, dando de ombros para a repercussão, dará prosseguimento ao projeto e vai produzir oficialmente a máscara Hazel.

A Hazel, entretanto, não é uma máscara comum. Ela inclui ventiladores ativos do tipo disco e que podem ser removidos. Esses componentes, aliás, podem atuar como amplificadores de voz graças aos microfones embutidos, o que ajuda a voz a sair com uma qualidade melhor. E como um bom produto Razer, a máscara será equipada com a retroiluminação RGB Chroma em seu chassi, que é revestido por um plástico brilhante resistente a riscos.

“Estávamos pensando e este é um projeto conceitual e que será relevante quando a vacinação e tudo for implementado. Vamos prosseguir para torná-lo realidade e entregar a máscara inteligente. Será realidade", disse o CEO e cofundador da Razer, Min-Liang Tan, em entrevista ao Yahoo Finance.

Imagem: Razer

Ainda sem nome final definido ou data de lançamento, a máscara da Razer ainda precisa passar por certificações e aprovações antes de chegar ao mercado. A ideia de Tan, porém, é lançá-la ainda este ano.

Fonte: The Verge

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.